sexta-feira, 11 de abril de 2014

PCdoB reafirma candidatura de Edvaldo ao Senado em SE


Empatados tecnicamente ante a divulgação dos resultados da pesquisa feita pelo Instituto Padrão, os pré-candidatos Rogério Carvalho (PT) e Edvaldo Nogueira (PCdoB), disputam par e passo a simpatia do eleitorado visando a vaga de Senador da República, no bloco liderado pelo governador Jackson Barreto (PMDB).
Nogueira, que obteve 9% das intenções de votos contra 10% do petista, afirma que manterá seu nome à disposição do bloco governista (PMDB, PT, PSB, PDT, PSD e outros) para fazer avançar as mudanças políticas em Sergipe.

"Edvaldo está fora de qualquer cargo público desde que deixou a prefeitura de Aracaju em 2012, sofreu uma campanha de desconstrução do seu legado patrocinada pelo DEM e mesmo assim são bons seus índices de aceitação dentro e fora da nossa coligação. É o nome que deve ser levado em conta por todos”, raciocina o presidente Estadual do PCdoB, Halisson Souza.

Para reforçar a tese de continuidade da aliança que elegeu o governador Marcelo Déda (PT) em 2006 e o reelegeu em 2010, Edvaldo Nogueira escalou como uma das suas prioridades para o momento político não somente a ampliação de sua candidatura ao Senado, bem como o retorno de forças importantes nesse processo.

"Vou dar tudo de mim e o esforço de todos que compõem o PCdoB para trazer de volta à nossa aliança o PSB do senador Antonio Carlos Valadares, do deputado federal Valadares Filho e sua militância aguerrida. É preciso manter as bases da aliança vitoriosa que começou em 2006”, pontua o ex-prefeito.

Secretaria – Desde que terminou o mandato à frente da Prefeitura de Aracaju, período de 2006 a 2012, o PCdoB não ocupou cargos de 1º escalão no governo de Sergipe, nem com Marcelo Déda, nem com Jackson Barreto. 

“Jackson convidou Edvaldo a assumir a Fundação de Saúde em novembro do ano passado, órgão cujo orçamento anual chega aos 400 milhões de reais, no entanto apesar de não termos aceito, continuamos a dar apoio político ao governo por entender que era e é necessário aumentar as conquistas exigidas pelo povo sergipano”, disse Halisson Souza.

Após várias discussões com o partido, na última quarta-feira, 09, o governador Jackson Barreto anunciou a posse do professor e presidente do diretório Municipal do PCdoB, Antonio Bittencourt Júnior, como secretário de Estado dos Direitos Humanos e Cidadania. 

"A chegada de Bittencourt ao governo é a reafirmação de que nosso partido crê e enxerga na reeleição de Jackson Barreto o nome possível de fazer avançar Sergipe, aglutinar as forças que mudaram a face do Estado e continuar construindo um governo progressista, de caráter amplo e compromissos populares”, afiançou Edvaldo Nogueira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário