quarta-feira, 2 de abril de 2014

Defesa civil atualiza plano de contingência para o período de chuvas

Nos próximos dias 3 e 9 de abril, respectivamente, a Defesa Civil Municipal promoverá uma macrorreunião com os diversos órgãos envolvidos com as questões atinentes à prevenção, resolução e proteção dos cidadãos aracajuanos que, porventura, venham a se encontrar em situação de risco, em virtude das fortes chuvas esperadas   entre os meses de abril a agosto. O objetivo do encontro é antever e gerar capacidade de ação, através do trabalho proativo da Defesa Civil Municipal, que passa a alinhar as condutas entre os órgãos envolvidos, a fim de garantir um melhor gerenciamento dos trabalhos, criando estratégias eficazes, a fim de gerar resposta rápida do poder público.
A propositura do encontro partiu do poder municipal, numa iniciativa do Coordenador - Geral da Defesa Civil, Cel. Moura, e objetiva conhecer de perto os trabalhos que estão acontecendo em cada ente público ou privado, visando conhecer as políticas públicas que estão sendo desenvolvidas para o período chuvoso. Para tanto, faz-se necessário a interlocução entre todos os organismos envolvidos, garantindo assim, a construção de modelos de ação eficazes, caso as chuvas venham causar danos em Aracaju. O encontro contemplará no primeiro momento, a esfera municipal, através da participação de todas as Secretarias Municipais, visando envolver toda sua estrutura e órgãos, para uma grande mobilização de esforços, em favor da prevenção de sinistros e situações de risco nos período chuvoso. Não obstante a participação efetiva do Município, todos os órgãos da esfera estadual que estão vinculados à questão de proteção aos riscos das chuvas, também serão convidados para discutir formas de atuação, intercambiando conhecimento; além da presença do Governo Federal e empresas da iniciativa privada que atuam na segurança, resolução e prevenção das situações advindas das chuvas, tais como Polícia Militar, SAMU, Petrobras, Corpo de Bombeiros, Energisa, Deso, entre outros. “Engajar todos os órgãos vinculados de forma direta e indireta, bem como conhecer de perto os trabalhos que estão sendo desenvolvidos por cada órgão, é o caminho para uma resposta eficaz à população em caso de temporais, alagamentos, desabamentos e outras situações que gerem risco à população” afirmou Moura. Para garantir resultados profícuos, o encontro se dará em duas etapas.
No primeiro momento, dia 3, o encontro será entre Defesa Civil e poder público municipal, a partir das 10 horas da manhã, no Auditório da SEMDEC - antiga Escola Parque.

Já o encontro do dia 9, será para o intercâmbio de informações entre Defesa Civil Municipal e Estadual, além de órgãos estaduais, iniciativa privada, Governo Federal, Corpo de Bombeiros, Deso, SAMU, Polícia Militar, Petrobras, dentre outros, numa iniciativa que tem o condão de se pensar em conjunto, o plano de contingência para o período chuvoso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário