quarta-feira, 9 de abril de 2014

Atrasos em obras nos aeroportos preocupa Valadares Filho



Durante audiência pública, que ocorreu ontem, na Comissão do Esporte (CESPO), o deputado Valadares Filho (PSB-SE) indagou ao ministro da Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República, Moreira Franco, sobre a conclusão das obras de infraestrutura nos aeroportos brasileiros, especialmente, aqueles localizados nas cidades-sede da Copa do Mundo.


Para o parlamentar sergipano, um dos objetivos de se realizar um mundial de futebol é o legado que ficará para população após o evento. No caso do Brasil, um dos principais legados da Copa é a adequação e melhoria dos aeroportos, cuja estrutura, há muito, deixou de atender as necessidades do país, seja para o desenvolvimento econômico, seja para o turismo.

Segundo o parlamentar sergipano, mesmo com toda a pressão para conclusão das obras para atender a demanda da Copa não se conseguiu concluir as reformas. “Qual a previsão de entrega dessas obras?”, indagou o deputado.

O ministro Moreira Franco disse que o Brasil tem evoluído em relação às questões aeroportuárias e que muitos problemas já estão sendo solucionados e, em breve, a agenda do setor irá mudar e começar a tratar dos problemas a partir de outro patamar. Segundo o ministro, a concessão dos principais aeroportos está trazendo para o setor um novo modelo de administração e de prestação de serviços aeroportuários. Moreira Franco esclareceu que os problemas que atrapalharam a conclusão de algumas obras estão sendo solucionados e todas as reformas e de ampliações dos aeroportos serão concluídas, mesmo depois da Copa.

Outra preocupação de Valadares Filho é em relação à ampliação dos aeroportos regionais.  O deputado ressaltou que a melhoria, reforma e adequação dos aeroportos regionais, visando o aumento de voos regionais, é uma demanda antiga do trade turístico. “Como está o andamento do projeto de ampliação dos aeroportos regionais em todo o Brasil?”, indagou.
Valadares Filho também quis informações sobre o projeto de construção do aeroporto no município de Canindé de São Francisco, que consta do Plano de Interiorização Aeroportuária do governo federal.  “Como está o andamento desse projeto, pois até o momento não há previsão de iniciar as obras?”

Moreira Franco esclareceu que os projetos constantes do Plano de Interiorização Aeroportuária estão em andamento, inclusive a construção do aeroporto de Canindé de São Francisco. O ministro disse que há um atraso na ampliação e construção de aeroportos regionais causado por questões ambientais que precisam ser solucionadas. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário