quarta-feira, 19 de março de 2014

Assembleia aprova projeto de lei sobre a instalação da Usina da Carnalita



O tão esperado projeto que visa instalar a Usina da Carnalita em Japaratuba foi aprovado nas comissões e no plenário da Assembleia Legislativa de Sergipe na manhã desta quarta-feira, 19. Estudos da Vale mostram que 71% da Carnalita estão sob solo capelense e 29% em Japaratuba.



O PL de nº 13/2014 do Poder Executivo foi aprovado na Assembleia Legislativa de Sergipe, define critérios de repartição do valor adicional fiscal gerado pela extração, industrialização e comercialização dos produtos decorrentes da exploração do minério carnalita.


Ainda de acordo com o secretário do Meio Ambiente, Genival Nunes, o critério para a implantação da usina em Japaratuba é a adequação aos critérios estabelecidos no estudo de impacto ambiental. A primeira fase prevê um investimento de cerca de R$ 4 bilhões.


Durante a sessão a deputada Ana Lúcia parabenizou o povo sergipano pela conquista, ressaltando o quanto essa ação contribuirá para o avanço econômico e social do estado.


“O governador lutou muito para que houvesse esse diálogo entre a Vale e a Petrobras, depois que superou essa fase, a voz contrária a essa negociação na época era o prefeito Sukita, ex-prefeito de Capela. Alguns anos depois, fruto das dissidências e divergências nós conseguimos avançar na discussão, a população e o atual prefeito de Capela conseguiu reverter o quadro, e o prefeito de Japaratuba com muita habilidade do governador Jackson Barreto. Então registro meus parabéns a todos os sergipanos porque isso vai melhorar a nossa economia e melhorar as condições de vida do povo de Capela e do povo de Japaratuba”, expressou a deputada estadual Ana Lúcia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário