sexta-feira, 14 de março de 2014

André Moura é reeleito à Liderança do PSC

E bancada reafirma independência em relação ao Governo. Deputados só vão votar a favor de matérias do Executivo quando julgarem ser de interesse do Brasil
O deputado sergipano André Moura foi reconduzido pelos colegas de bancada à Liderança do PSC na Câmara dos Deputados. É o terceiro ano seguido que ele assume a função. Na mesma reunião em que ficou decidida a reeleição do líder, os deputados reafirmaram a independência do PSC em relação ao Governo Federal. Assim como antes, eles só vão votar a favor de matérias do Executivo quando julgarem ser de interesse do Brasil.


“O PSC não tem vínculo com o Governo. Os únicos cargos que tínhamos foram devolvidos no segundo semestre de 2011, hoje não temos mais nada. Participamos das reuniões da base aliada porque não houve rompimento formal, mas sempre votamos com independência, inclusive contra o Governo. E um exemplo disso ocorreu ontem na aprovação da Comissão Externa da Petrobrás, quando toda a nossa bancada votou a favor do requerimento de investigação da empresa”, disse o líder do PSC em coletiva à imprensa após a reunião.
André Moura ainda destacou que o PSC vai continuar trabalhando para consolidar ainda mais a pré-candidatura de Pastor Everaldo à Presidência da República. “Nós temos um pré-candidato que provou seu potencial. Já na primeira pesquisa em que foi citado, apareceu em quarto lugar. Portanto, o encaminhamento da bancada deve ser todo em função do fortalecimento dessa nossa candidatura”, afirmou.
Foco no programa de governo do Pastor Everaldo
Ainda na reunião de bancada, o ex-senador e presidente do PSC da Paraíba, Marcondes Gadelha, explanou aos parlamentares o andamento do programa de governo do Pastor Everaldo. Gadelha é o coordenador do Núcleo de Estudos Políticos e Estratégicos da campanha do PSC à Presidência da República.

Nenhum comentário:

Postar um comentário