quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Gualberto critica cobranças feitas por Amorim

Em seu primeiro pronunciamento este ano, o deputado estadual Francisco Gualberto (PT) usou a tribuna da Assembleia Legislativa para criticar a atuação contraditória do senador Eduardo Amorim em vários episódios relativos à administração estadual. Gualberto defendeu o comportamento do governador Jackson Barreto (PMDB) durante a leitura da Mensagem Governamental, na segunda-feira na AL, e disse que a oposição não se conforma com as mudanças que vêm ocorrendo no Estado desde a administração de Marcelo Déda.
“É impossível o governador Jackson Barreto fazer um discurso e agradar a quem quer tocar fogo em Roma. O que quer que Jackson faça, jamais irá agradar Nero”, comparou o deputado petista, fazendo alusão ao imperador romano (ano 54 a 68 da era cristã) que era apontado como violento e desequilibrado.
Para Gualberto, Jackson fez uma excelente explanação sobre os projetos da refinaria de petróleo em Carmópolis, Hospital do Câncer e também sobre o tão debatido projeto Carnalita. “Ele abordou as ações de forma prática. E a propósito, quem está atrapalhando o projeto Carnalita é um aliado do senador Amorim”, disse o deputado.
Em relação ao projeto do Hospital do Câncer, que já está em processo de terraplanagem da área, Francisco Gualberto disse que o senador não tem legitimidade para questionar nada. “Reconhecemos o gesto dele em destinar emendas para o hospital, mas ele não diz a verdade quando informa que o Estado perdeu recursos. As emendas que ele empenhou ao orçamento da União não foram liberadas”, informou.
Francisco Gualberto também criticou a pressa do senador em cobrar a realização de outras obras previstas no Proinveste, a exemplo de rodovias. “Ele só esquece de falar à sociedade que o Proinveste atrasou oito meses por causa dele”, aponta o petista. Sobre a saúde pública, Gualberto lembrou que recentemente o governador Jackson Barreto inaugurou 64 leitos de UTI no Huse. “Acontece que quem sempre foi coveiro, não pode agora vir com história de ser enfermeiro. No período em que passou como secretário de Saúde, no governo de João Alves, Eduardo Amorim nunca inaugurou um leito de UTI sequer”
.

OBRAS – O deputado Gualberto aproveitou o pronunciamento para agradecer ao governador pelas obras que vêm ocorrendo em São Cristóvão e em outros municípios. Ele informou que em breve JB dará ordem de serviço para a pavimentação a paralelepípedo da estrada que liga a sede de São Cristóvão ao povoado Caípe Velho, terra natal do deputado.
“Foi um pedido que fiz ainda na gestão de Marcelo Déda. Agora o governador atenderá, pois serão 6,8 km de pavimentação que facilitará a vida das pessoas e irá valorizar a região e o ser humano. Fico muito agradecido com isso”.
O deputado também informou que após sua intervenção o governo do Estado irá entregar a Petrobras um projeto que permitirá a pavimentação asfáltica da rodovia de acesso ao povoado Pedreiras, em São Cristóvão. Além disso, apresentará nos próximos dias uma Indicação para que o governo construa acostamento ao longo da rodovia João Bebe Água, do conjunto Eduardo Gomes até a sede de São Cristóvão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário