terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Palestra do militante petista Valter Pomar aborda conjuntura política nacional e internacional

O militante e quadro político da Articulação de Esquerda, tendência interna do PT, palestrou na Central Única dos Trabalhadores. A atividade foi aberta ao público e teve entre os temas centrais: Conjuntura política e econômica nacional, internacional, análise da realidade latino-americana e a necessidade de uma ampla reforma política no Brasil.


 
O dirigente da AE/PT abordou importantes questões para a sociedade, e promoveu reflexões necessárias para a construção de um partido que esteja mais atento aos anseios do povo.
O historiador também opinou sobre os últimos episódios de racismo e preconceito que vem acontecendo no Brasil, como o caso dos 'rolezinhos' e o extermínio da população jovem e negra de periferia.


A classe dominante da sociedade brasileira é conservadora em sua medula, e conservam uma mentalidade escravista”, afirmou.


Ressaltou que está acontecendo uma ofensiva conservadora brutal contra os direitos humanos, desrespeitando os direitos das mulheres, dos negros/as, da classe trabalhadora, da população LGBT e outros grupos socialmente oprimidos na sociedade.
Valter Pomar destacou que o centro da tática não é apenas ganhar as eleições de 2014, mas além disso, caso a presidenta Dilma Rousseff seja reeleita, fazer um mandato melhor.


É preciso discutir reforma política, democratização da comunicação, política de habitação e outras questões que são temas caros para nós. Certa vez, nós do PT fomos acusados de ser a favor da censura, o que é um contrassenso, nós não somos a favor da censura, o problema é que ter um monopólio da comunicação no Brasil deforma qualquer política”, explicou.
Os militantes petistas fizeram intervenções na palestra, apontaram algumas questões para o petista Valter Pomar, em busca de reflexões sobre as privatizações, as alianças e as respostas do governo em relação as manifestações.


O historiador e militante petista, afirmou achar um erro a política de concessões e que foi um erro o leilão de libras.
Valter Pomar, concedeu na manhã desta terça-feira, 21, entrevista na coletiva de imprensa que ocorreu na Casa do Poeta, na Praça Tobias Barreto.



Valter Pomar


É Historiador, com doutorado em História Econômica pela Unicamp, Valter Pomar é, reconhecidamente, um dos principais analistas da política latino-americana e mundial. Durante quatro anos ocupou a Secretaria de Relações Internacionais do PT e, até o final de 2013, ocupava o cargo de Secretário Executivo do Foro de São Paulo, entidade que congrega partidos políticos da América Latina e Caribe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário