terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Oposição quer apuração sobre escala de Dilma em Lisboa

O líder do PPS na Câmara, Rubens Bueno (PR), apresentou nesta segunda-feira (27) uma representação para o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, investigar a escala da presidenta Dilma Rousseff em Lisboa, no último sábado (25). A parada não estava prevista na agenda de Dilma, que saiu da Suíça, onde participou do Fórum Econômico Mundial, em direção à Cuba. O caso já havia gerado críticas de outro oposicionista, o líder do PSDB na Câmara, Carlos Sampaio (SP).

Na representação, o deputado do PPS pede a instauração de um inquérito civil público para apurar se a parada em Lisboa foi realmente necessária. “O fato de não ter qualquer compromisso oficial em Lisboa não justifica esse gasto excessivo, o que exige a instauração de inquérito civil público para apurar se ele foi mesmo necessário”, afirmou.

Continue lendo no Congresso em Foco

Nenhum comentário:

Postar um comentário