sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Jackson faz balanço da administração estadual durante entrevista

Na manhã desta sexta-feira, 20, o governador Jackson Barreto apresentou à população sergipana um balanço da administração estadual ao longo de 2013 durante entrevista ao programa Hora da Verdade, da Megga FM, comandado pelo radialista George Magalhães.


Ele iniciou sua entrevista lembrando que o ex-governador Marcelo Déda estava realizando uma grande obra para o povo sergipano. “Posso dizer que diversos projetos em muitas áreas estavam sendo desenvolvidos. Confesso que na história desse estado eu não conheci um governo com tantos investimentos. Marcelo Déda realizou projetos fundamentais para melhorar a vida do povo sergipano”, destacou Jackson.



Jackson informou aos ouvintes que já foram inauguradas, desde que ele assumiu o governo ainda como interino, mais de 60 obras em todas as regiões do Estado. “Ainda temos o dobro dessa quantidade para inaugurar e há as que não vamos inaugurar porque já estão atendendo o povo sergipano há mais de dois anos”, comunicou.


Pedido
 

Na avaliação do governador, existe uma boa relação com os deputados. “Nossos projetos têm recebido apoio dos deputados”, ressaltou. Porém, existe um projeto que é importante, o Pro-Redes, nele estão definidos R$ 35 milhões para compra de equipamentos para o Hospital do Câncer. “O projeto está na Assembleia Legislativa desde o mês de agosto. Falei com a presidente da Casa, Angélica Guimarães, para que não termine o período legislativo sem que aprove o projeto. O BID só está aguardando a aprovação para analisar e liberar a verba. Os recursos não são para Jackson Barreto, mas para tornar viável o Hospital do Câncer”.


Ele aproveitou a oportunidade para explicar porque não houve, em 2013, aumento salarial para os servidores. “Somos um estado que faz parte de um país cujas políticas na área da economia são definidas pelo Governo Federal. Houve um desaquecimento na economia e o governo teve que fazer isenções de impostos, assim, Sergipe perdeu receita e as prefeituras também. Em 2014 não podemos repetir o que aconteceu em 2013, que nem sequer a inflação foi dada. Reconheço o problema, pois sei que não é um favor que fazemos aos trabalhadores, mas é uma obrigação nossa e um direito do servidor”.


Ele ainda relatou que duas parcelas do Piso dos Professores serão pagas. “Essa medida foi fruto do nosso entendimento com o sindicato da categoria e com os deputados estaduais. Está sendo difícil, mas estamos honrando com nossos compromissos”.


Concurso da PM


O governador adiantou que na próxima segunda-feira, 23, às 10h, no Palácio dos Despachos, localizado na avenida Adélia Franco, em Aracaju lançará, por meio de coletiva de imprensa, o edital para o concurso da Polícia Militar. “Eu disse que ainda em 2013 estaria lançando o edital e estou cumprindo com minha palavra. Esse é um presente de natal para a juventude sergipana”, disse Jackson.


No edital há a previsão de contratação de 600 novos soldados, sendo 540 para o sexo masculino e 60 para o sexo feminino. “Nosso objetivo é que no final de 2014 possamos convocar mais 600 aprovados. Existe a necessidade de mais policiais para dar mais tranquilidade à população sergipana, tanto no interior como na capital”, avaliou.


Os aprovados em todas as fases do concurso passarão por um curso de formação de 1.200 horas/aula. Durante este período de treinamento, o futuro policial receberá uma bolsa no valor de R$ 1.040,68, soma que representa 50% do soldo de um soldado de 3ª classe. Após o curso de formação, o militar passará a ganhar R$ 2.081,37, acrescido de 30% de periculosidade.

Seids


Em primeiro mão, o governador anunciou que Eliane Aquino continua como secretária da Inclusão, Assistência e do Desenvolvimento Social. “Ela continua integrada nesse governo, nesse projeto. Eliane sabe perfeitamente do legado de Marcelo Déda, ela é a pessoa mais identificada para levar adiante esse legado e eu me sinto muito honrado, feliz com sua participação no governo por tudo que ela representa na história desse projeto político que foi construído desde a eleição de Déda prefeito e governador”.

Novas obras


Jackson anunciou um volume de obras a serem lançadas e iniciadas pelo Governo do Estado. “Temos recursos previstos no programa Sergipe Infraestrutura de mais de R$ 150 milhões, temos já lançado R$ 70 milhões do Sergipe Cidade, temos obras do PAC que hoje atinge mais de R$ 1 bilhão em saneamento básico. Com os investimentos, Aracaju passará a ser a segunda melhor capital do país em atendimento a rede de esgoto”.


O Governo conseguiu aprovar projeto no valor de R$ 500 milhões para o PAC. Lagarto receberá um aporte de R$ 173 milhões e Itabaiana R$ 40 milhões para ampliar o abastecimento de água.


A cidade de Laranjeiras receberá novos investimentos. “Conseguimos liberar R$ 5 milhões para a construção da orla da cidade história de Laranjeiras. A obra deixará a cidade mais bonita, dará embelezamento e qualidade de vida ao povo”, observou.


Durante a solenidade em Indiaroba Jackson Barreto recebeu um documento de solicitação da reforma da escola estadual Dionízio Machado. Estudantes e diretores da Instituição apresentaram a necessidade de recuperação da estrutura física da unidade de ensino e Jackson garantiu a reforma. “Em fevereiro, voltaremos aqui para assinar a ordem de serviço para reforma e ampliação da escola estadual Dionízio Machado”, garantiu.


Em Carira será realizada a pavimentação da rodovia ligando Altos Verdes a BR 235. “Essa foi uma promessa que fiz em 1994 durante campanha eleitoral para governador e agora, terei a oportunidade de cumprir a promessa. O projeto da pavimentação já está sendo elaborado”, anunciou.


O Governo do Estado vai lançar em Nossa Senhora do Socorro à obra de esgoto sanitário do Parque dos Faróis. Dentro do Proinveste há recursos previstos para fazer pavimentação no Marcos Freire I e II, a construção de uma escola no conjunto Jardim e pavimentação do povoado Calumby.


Rodovia que liga Pirambu a Pacatuba está com recurso garantido no Proinveste. “Falo com otimismo e esperança das sobras em Sergipe, cada passo que damos dá confiança aos empresários que desejam investir aqui”.


Em Itabaiana haverá a construção do mercado e do ginásio poliesportivo, além da construção da rodovia entre Itaporanga D’Ajuda e Itabaiana. Além do investimento de R$ 40 milhões para o abastecimento de água na cidade.


A capital sergipana não foi esquecida pelo governador Jackson Barreto, a obra da nova entrada de Aracaju terá nova licitação, para que sua construção tenha continuidade. As avenidas laterais ao Aeroporto Santa Maria estão sendo realizadas, bem como já foi licitada a construção da pista de pouso e decolagem e será licitada a estação de embarque de passageiros.


Faremos toda a área de urbanização do Residencial Santa Tereza, no bairro Industrial. Já está sendo reformado o Estádio Lourival Batista e o Espaço Zé Peixe. “Trabalhamos no interior e na capital”, lembrou Jackson Barreto.


Oportunidades


Sergipe hoje é um celeiro de oportunidades. Diversas empresas estão se instalando no Estado. “Iniciamos o governo com Índice de Desenvolvimento Humano muito baixo, hoje estamos no nível médio, mas isso não nos satisfaz e queremos mais. Nosso trabalho é continuar fazendo Sergipe crescer”, assegurou Jackson.


O grupo Almaviva, empresa de telemarketing gerou 4.500 empregos diretos e tem contribuído com o desenvolvimento social e cultural do Estado.


A Yazaki do Brasil iniciou sua produção em Sergipe, na cidade de Nossa Senhora do Socorro. A sexta unidade do grupo no país, onde estão sendo investidos R$ 50 milhões, vai produzir material elétrico e eletrônico para veículos automotores em uma área construída de 19 mil metros quadrados. A empresa conta com incentivos fiscais e locacionais previstos no Programa Sergipano de Desenvolvimento Industrial (PSDI) e disponibilizados pelo Governo do Estado, através da Sedetec e Codise.


Há perspectiva da instalação de uma refinaria em Sergipe. Em janeiro a questão deve ser aprofundada pelo Governo do Estado. O grupo Saint-Gobain instalará em Estância uma fábrica de garrafas e potes de vidro com linhas de produtos para atender o mercado de bebidas e alimentos que utilizam vidro em suas embalagens. Com a chegada do grupo, 300 empregos serão gerados. O Grupo Brenanm também está se instalando em Sergipe, com uma fábrica de cimento em Laranjeiras.


A Amsia Motors deverá produzir veículos automotores híbridos e elétricos, com expectativa de gerar aproximadamente 4 mil empregos diretos, onde será investido um montante aproximado de R$ 1 bilhão. A planta industrial deverá ser instalada no município de Barra dos Coqueiros, num terreno próximo ao Parque Eólico, nas imediações do antigo projeto do Pólo Cloroquímico.


O Projeto Carnalita produzirá na sua primeira fase mais de 1,2 milhão de toneladas ao ano, do cloreto de potássio, com um investimento de quase R$ 2 bilhões. Serão 4 mil empregos diretos e 10 mil empregos indiretos. 


Jackson antecipou que a Nassal está dobrando sua produção de cimento. “Somos o maior produtor de cimento do Nordeste e podemos nos tornar o maior do Brasil. Isso se chama confiar no estado e nas políticas e ações do Governo do Estado”.

Brasília

O governador Jackson Barreto lembrou que esteve em Brasília esta semana em reunião com a representante do BID no Brasil, Daniela Carrera-Marquis, e assinaram contrato que garantirá U$ 100 milhões para o desenvolvimento do turismo em Sergipe. Caberá ao Banco Interamericano de Desenvolvimento o financiamento de U$ 60 milhões. Outros U$ 40 milhões virão dos cofres estaduais.


Integrante do Prodetur (Programas Regionais de Desenvolvimento do Turismo), do Ministério do Turismo (MTur), o projeto visa gerar novos negócios e empreendimentos por meio do desenvolvimento do turismo sustentável. O conceito de turismo sustentável e da consolidação e diversificação da atividade turística permeia a proposta assinada entre o BID e o Governo do Estado.


Com o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, o governador Jackson Barreto assegurou os R$ 33 milhões que faltavam para a conclusão do Hospital do Câncer de Aracaju. 


Num outro destaque da agenda do governador, três hospitais regionais do Estado terão aporte mensal de mais R$ 5 milhões destinados à manutenção das unidades. São eles os hospitais de Itabaiana, Nossa Senhora da Glória e Nossa Senhora do Socorro.


Jackson também lembrou que se reuniu com o secretário de Ensino Superior do Ministério da Educação (MEC), Paulo Speller. Na ocasião, Jackson o convidou para visitar Sergipe ainda no começo de 2014. Speller aceitou e já antecipou que na ocasião pretende anunciar as definições sobre o Campus do Alto Sertão. As avaliações em curso no MEC, e que serão anunciadas por Speller, definirão os cursos, as vagas para alunos e professores e o local.


Transformar o Hospital Regional de Lagarto em Hospital Universitário é um objetivo do governador Jackson Barreto. Em Brasília, dia 11, ele se reuniu com a EBSERH, empresa pública que gere os Hospitais Universitários Federais. Seu presidente, José Rubens Rebelatto, garantiu a realização de estudo que deverá alterar o perfil do Hospital Regional de Lagarto. Como hospital universitário, ele atenderá a região mais densamente povoada de Sergipe. Outra vantagem será desafogar os hospitais de Aracaju.


Inaugurações


Durante a entrevista, o chefe do Executivo também fez questão de lembrar inaugurou novas obras e assinou ordens de serviço. Uma melhoria que beneficiou diretamente a mobilidade urbana em Aracaju foi entregue a população aracajuana: o complexo viário que leva o nome de Manoel Celestino Chagas, pai do ex-governador Marcelo Déda. 


Liberada em sua totalidade para o tráfego de veículos desde o último dia 6, a obra consiste na duplicação do antigo viaduto do Detran, além da recuperação do pavimento da estrutura anterior, construção de alças de acesso aos conjuntos JK e Sol Nascente, e acesso à avenida Augusto Franco pela avenida Tancredo Neves. Investimento que totalizou R$ 31.482.761,91 (recursos do BNDES e Sergipe Infraestrutura). 


Jackson disse ainda que no mesmo dia assinou ordens de serviços para execução de obras, fruto de convênios com o Ministério da Integração Nacional (MI), com a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e Petrobras.


Na ocasião, Jackson ainda realizou a entrega de uma das três perfuratrizes que o Governo do Estado recebeu, também através de convênio com o MI, à Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe (Cohidro). Com capacidade para perfurar poços de até 250 m de profundidade e com equipamentos para fazer o teste de vazão 
autonomamente.


Jackson Barreto também assinou ordens de serviço do Programa Água para Todos (1ª etapa), que possibilitará a construção e implantação de 40 sistemas simplificados de abastecimento de água, no valor de R$ 3.217.246,38. A medida beneficiará 1.600 famílias, nesta primeira etapa do programa, onde ao todo estão sendo investidos R$ 5.280.000, permitindo o fornecimento de 280 mil litros de água por dia. 


A segunda ordem de serviço assinada pelo governador Jackson Barreto nesta sexta-feira, autoriza o início dos serviços de diagnóstico e identificação de comunidades para instalação de barragens subterrâneas e implantação de kits de irrigação em comunidades rurais de 14 municípios do estado de Sergipe atendidos pela Codevasf, que tiveram emergência decretada em 2013. Na ação, serão R$ 4,87 milhões, sendo R$ 4,51 milhões, oriundos do MI e contrapartida do Estado de Sergipe de R$ 360 mil, investidos nas unidades rurais que receberão 133 barragens subterrâneas e 106 kits de irrigação.


A última ordem de serviço assinada, na Cohidro, pelo governador permitirá que 16 poços voltem a fornecer água a 16 pequenas localidades em diversos municípios do estado. No acordo, a Cohidro obteve o apoio da Petrobras para a recuperação dessas unidades de abastecimento de água, que vai custear os serviços com o montante de R$ 402.111,38 e reestabelecer o abastecimento para 10.150 pessoas nos municípios de Poço Verde, Poço Redondo, Pedra Mole, Gararu, Carira, Canindé do São Francisco, Tomar do Geru, Porto da Folha, Monte Alegre e São Miguel do Aleixo.


Também na quinta-feira, 19, o governador participou do tradicional almoço de final de ano da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (Fies) onde promoveu a assinatura de um decreto que regulamenta a Lei nº 6.794, de 2 de dezembro de 2009, que dispõe sobre medidas de incentivo à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo, visando a alcançar a capacitação e o desenvolvimento tecnológico competitivo e estimular o desenvolvimento econômico e social do Estado de Sergipe. A Lei nº 6.794 dispõe ainda sobre a criação do Fundo Estadual de Incentivo à Inovação Tecnológica – FIT. Também foi assinado o termo de cooperação que  efetiva o edital de Subvenção Econômica à Inovação nas Microempresas e Empresas de Pequeno Porte Sergipanas. 


O governador Jackson Barreto retomou a agenda de ações que beneficiam a população no interior do estado na quinta-feira, 19. Ele esteve no município de Indiaroba, município situado na região Sul de Sergipe e distante 100 km de Aracaju. Lá, ele assinou investimentos na ordem de R$ 2.124.556 nas áreas de saneamento básico e esportes.


No povoado Terra Caída, Jackson assinou a ordem de serviço para implantação de redes de abastecimento de água da Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso). A obra terá 10 km de extensão e vai atender um desejo antigo dos moradores da região que não tinham acesso a água potável de qualidade. Orçado em R$ 1.677.449,52, o sistema de abastecimento contempla a montagem de dois poços (P1 e P2), já perfurados, a construção de Reservatório Apoiado, com capacidade de 250 m³, a construção de Casa de Cloração para tratamento da água e a implantação de duas adutoras dos Poços até o Reservatório Apoiado, com extensão de 3.547m e 3.972m cada, totalizando 7.519m de adutoras. 

  
O governo do Estado assinou ordem de serviço para Reforma e Ampliação do ginásio de esportes deputado Jorge Araújo. O investimento de R$ 447.107 abrange a implantação de acessibilidade interna e externa, recuperação das estruturas elétricas, hidro-sanitárias e da estrutura metálica. Recuperação da cobertura e recuperação e adequação do sistema de combate a incêndios. Execução de novas arquibancadas, pintura geral do prédio, urbanização do entorno e do estacionamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário