terça-feira, 5 de novembro de 2013

Ocupações irregulares e falta de planejamento geram problemas



O vereador Roberto Morais (PRP) comentou hoje os estragos causados pelas chuvas na capital sergipana. Roberto afirmou que vários dos problemas verificados são frutos de uma conga história de ocupações irregulares, sem planejamento e sem ações estratégicas. “Por isso há muito tempo estou alertando a necessidade de darmos atenção à explosão imobiliária que continua havendo em Aracaju”, disse o vereador.



O parlamentar lembrou que o problema não é originário na administração atual, que ele apoia, e destacou a necessidade de efetuar um planejamento, inclusive no aspecto da mobilidade. “E isso essa gestão tem feito, parabenizo o trabalho da administração atual pelos esforços para melhorar a mobilidade, o prefeito e toda a sua equipe tem buscado colocar pedaços de panos novos em lençóis velhos. O que eu lamento profundamente é a falta de interesse dos gestores que passaram em tentar resolver”, destacou o Roberto.



Para fugir apenas do campo da solidariedade e buscar ações concretas para tentar minimizar o sofrimento das pessoas que sofreram danos com as fortes chuvas, o vereador solicitou que os demais parlamentares deixem os interesses partidários de lado e juntem-se em prol da população. “Vamos derrubar as bandeiras partidárias e somar as forças, vamos visitar as pessoas, os bairros, saber no que podemos ajudar. Faço um apelo para que, numa hora como essa, baixemos a bandeira partidária”, apelou o parlamentar.

Roberto Morais lembrou que também é preciso ação por parte da população. Segundo o vereador, a atual situação de Aracaju e do Brasil pede que as pessoas cobrem ao poder público menos gastos com festividade. "O momento exige uma retomada em todos os âmbitos, a partir de uma reforma política. Até na forma que o Brasil é apresentado, como um País de festa não condiz com a realidade que enfrentamos. O momento que vivemos não permite isso", observa o pastor.




Leia também:









 

Nenhum comentário:

Postar um comentário