terça-feira, 19 de novembro de 2013

Ministério Público - MPE denuncia médica

O Ministério Público Estadual (MPE) ajuizou ação contra a médica Carmem Lucia Montarroyos Leite por acumulação de cinco cargos públicos remunerados. A profissional atende no hospital de Itabaiana.

Segundo a promotora que denunciou os fatos, Fabiana Carvalho Viana Franca, foi detectado que a médica exerce 36 horas semanais no hospital de Itabaiana, 40 horas semanais na clínica da Saúde da Família também no município de Itabaiana, e mais 48 horas na maternidade São José.

Ainda segundo a promotora, Carmem Lucia atua também na cidade de Nossa Senhora das Dores, com 12 horas semanais, conforme o cadastro do CNES e no Ipesaúde com mais 180 horas mensais, ou seja, 45 horas semanais. Tudo isso somado acumula uma carga de 181 horas semanais, 13 horas a mais do que possui a semana.

A denúncia ainda fez comparação com choque de horários entre o hospital de Itabaiana e a maternidade São José e o Ipesaúde. A denúncia foi encaminhada para primeira vara cível de Itabaiana, cujo titular é o juiz de Direito Alberto Gouveia Leite, para ser julgada e averiguada a veracidade dos fatos. 


Fonte: Jornal da Cidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário