terça-feira, 12 de novembro de 2013

Justiça Federal absolve Heleno Silva do crime das ambulâncias

Após sete anos, a Justiça Federal em Sergipe inocentou o prefeito de Canindé do São Francisco, Heleno Silva  da acusação de participar da “máfia das sanguessugas” - esquema de fraudes em licitações na área de saúde para aquisição de ambulâncias. O esquema foi desarticulado em 2006, quando Heleno exercia mandato de deputado federal. 



De acordo com a decisão do juiz Ronivon de Aragão, da 7ª Vara Federal em Sergipe, a absolvição de Heleno ocorreu “em função de não existir prova para a condenação”.



“Não houve prova adicional, nesta demanda cível, a importar em conclusão diferente, tanto porque as provas hauridas foram as mesmas, inexistindo inovação em relação ao que se conteve nas demandas penais ora referidas. Ante todo o exposto, julgo improcedentes os pedidos contidos nesta Ação Civil Pública por ato de Improbidade Administrativa ", afirmou o juiz, na decisão.



Heleno afirmou que para ele, foi um período difícil, inclusive para a sua família. “Foram anos tendo minha vida toda investigada, mas sempre tive a convicção da minha inocência. Graças a Deus fui inocentado e a Justiça foi feita. Agradeço minha família e aos amigos pelo apoio que sempre me deram nestes últimos sete anos acreditando sempre em minha inocência”, disse ele. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário