terça-feira, 19 de novembro de 2013

Jackson Barreto viaja a São Paulo para levar sua solidariedade ao governador Marcelo Déda



Jackson Barreto disse que tem recebido incontáveis apelos por onde passa para que ele transmita as mensagens de afeto e carinho dedicados pelo povo de Sergipe ao governador

O  governador em exercício, Jackson Barreto, viajou no início da tarde de hoje, 19, para São Paulo com o intuito de levar seu abraço ao governador licenciado Marcelo Déda que se encontra internado no Hospital Sírio-Libanês para tratamento de um câncer.

Ele foi ser o portador do abraço do povo sergipano que tem manifestado seu carinho e sua solidariedade a Marcelo Déda, como também, abraçar a primeira-dama do Estado, Eliane Aquino, que tem acompanhado todos os momentos do governador na sua luta contra a doença.

Jackson Barreto disse que tem recebido incontáveis apelos por onde passa para que ele transmita as mensagens de afeto e carinho dedicados pelo povo de Sergipe ao nosso governador.

“Não há um só lugar por onde eu passe que não receba um pedido para que transmita ao governador Marcelo Déda as vibrações positivas da nossa gente. Seja onde for, na capital ou no interior, onde quer que eu vá, nas inaugurações, nas procissões, nas missas, nos cultos e atividades sociais em que participo, há sempre uma prece, uma palavra de otimismo e de admiração para Marcelo Déda”, enfatizou Jackson Barreto.

Jackson Barreto disse ainda que essas manifestações populares são a retribuição e o reconhecimento da nossa gente para um homem que dedica sua vida às causas mais nobres e dignas da política e da sociedade.

“Marcelo Déda tem uma história muito bonita de lutas e de conquistas que tiveram sempre o objetivo de construir um mundo melhor e mais justo, principalmente para os que mais precisam. Nisso nós temos uma grande identidade. E é neste momento em que ele mais precisa que estamos aqui para trazer o apoio e o reconhecimento do nosso povo”, finalizou o governador em exercício Jackson Barreto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário