quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Valadares Filho preside debate sobre dívidas de clubes de futebol

O deputado Valadares Filho (PSB-SE) presidiu, na tarde de ontem, audiência pública na Comissão de Turismo e Desporto (CTD) que discutiu a questão das dívidas tributárias e financiamentos dos clubes de futebol. "Foi um debate intenso, do qual podemos tirar muitos subsídios para solucionar o problema das dívidas dos clubes de futebol”, disse Valadares Filho.


O presidente do Flamengo, Eduardo de Mello, destacou que os clubes de futebol, apesar do momento difícil que estão vivendo em função das altas dívidas, os clubes não querem anistia, eles querem pagar suas dívidas, só precisam de prazo.  “Queremos apenas um alongamento do prazo; isso não é nenhum tipo de vergonha para os clubes; é apenas uma readequação”, disse.

O presidente do Vasco da Gama, Roberto Dinamite, disse que o seu clube renegociou suas dívidas tem conseguido com muito esforço cumprir com seus compromissos.  

Para o presidente do Coritiba  Foot  Ball Club, que estava representando a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Vilson Ribeiro Andrade, a situação dos clubes é complicada. “Temos uma dívida muito grande e precisamos de uma solução e os clubes brasileiros tem a responsabilidade de resolver essa situação”, disse.
            
 Segundo Vilson Ribeiro, os clubes que não apresentarem certidões negativas de débito não deverão participar das competições. Essa afirmação gerou um caloroso debate entre os deputados e os convidados.
         
Valadares Filho destacou a importância de se aprofundar o debate sobre a questão das dívidas  dos clubes de futebol. “O futebol é um esporte que mobiliza a emoção de milhões de brasileiros, e por isso temos de encontrar formas criativas para ajudar os clubes a sair desse impasse”, disse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário