quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Setransp: Tarifas semiurbanas são definidas pelo Conselho Estadual de Transportes


Em resposta às notícias veiculadas na imprensa sobre a redução das tarifas praticadas pelas empresas Cidade Histórica e São Pedro, que alegam ter tido a possibilidade de cobrar um valor menor por não mais fazerem parte do rol das operadoras associadas ao Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Município de Aracaju – Setransp – o sindicato ressalta não ter qualquer autonomia para estabelecer o preço de tarifas, sejam elas urbanas ou semiurbanas.


Assim sendo, as tarifas praticadas nas linhas que operam entre Aracaju, Riachuelo, São Cristóvão, Itaporanga e Laranjeiras devem seguir as definições da resolução número 002/2013 de 12 de março de 2013. Através dela, o Conselho Estadual de Transportes, no uso das suas atribuições legais, da lei número 7.298 de 07 de dezembro de 2011, determinou que o reajuste das tarifas do transporte coletivo que servem a essas cidades fosse realizado de forma fracionada. A partir de 15 de abril de 2013, seria de R$ 2,40 em Maruim; Laranjeiras R$ 2,30; Riachuelo R$ 2,40; Itaporanga R$ 2,70.



Já a partir de 15 de outubro de 2013 passaram a ter novos valores. Em Maruim passou a R$ 2,50; Laranjeiras R$ 2,45; Riachuelo R$ 2,50; Itaporanga R$ 2,80. Esses são os preços que legalmente devem ser cobrados na comercialização do vale-transportes para essas cidades. Em Aracaju, conforme, determinação da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito - SMTT -, o vale-transporte urbano custa R$ 2,35.



Nenhum comentário:

Postar um comentário