quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Prefeitura do Rio vai multar motorista que jogar lixo na rua

No Rio de Janeiro os motoristas que jogarem lixo pela janela dos carros serão multados pela Companhia Municipal de Limpeza (Comlurb) e pela Guarda Municipal. A ação é do Programa Lixo Zero, da prefeitura carioca, de acordo com a Lei de Limpeza Urbana 3.273/2001. A fiscalização será feita por agentes à paisana.


O objetivo é conscientizar a população da importância de não jogar lixo nas ruas, praias, praças e demais áreas públicas, melhorando a limpeza da cidade. O motorista que for flagrado jogando lixo na rua receberá uma multa que vai de R$ 98 a R$ 3 mil e receberá 4 pontos na Carteira Nacional de Habilitação.

A fiscalização começou nessa terça-feira (22). A multa será aplicada para os carros de passeio, táxi, motocicletas e bicicletas. Os veículos de transporte público coletivo, como ônibus e vans, só serão multados se for identificado o motorista ou cobrador que jogou o lixo pela janela.

De acordo com o coordenador do Programa Lixo Zero, Fernando Alves, os passageiros do ônibus não poderão ser multados pois a Comlurb não pode parar o coletivo. No caso do carro particular, o motorista será identificado pela placa do veículo.

"Não estamos multando passageiro de ônibus, pois não temos como identificá-los. Então não é justo atribuir a responsabilidade ao motorista se foi um passageiro que atirou o lixo na rua”, disse.

Para o motorista de táxi, Edson Freire, de 43 anos, a medida é positiva. "Excelente ideia. Um 
dia tem que começar a educar o povo, e a melhor maneira da educar nesse país, infelizmente, é mexendo no bolso das pessoas”, declarou. “então nada melhor do que começar por nós mesmo, mostrando esse carinho, evitando de sujar e dando valor para a nossa cidade”, completou.

Freire disse ainda que já orienta os seus passageiros para que evitem jogar lixo na rua. “Eu também oriento os meus clientes e peço para não jogar o lixo pela janela. Se eles precisarem jogar algo fora, eu pego e guardo na parte da porta e depois eu faço esse trabalho de jogar em uma lixeirinha", destacou.

De acordo com o coordenador da Comlurb, Fernando Alves, com o Programa Lixo Zero, lançado em agosto deste ano, já houve uma redução de 46% nos lixos descartados irregularmente no centro do Rio. Segundo o coordenador, até o fim de dezembro, haverá um acréscimo de 50% no número de lixeiras na cidade: serão 44 mil a mais.



Leia também:













 

Nenhum comentário:

Postar um comentário