quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Projeto prevê multa para veículos que trafegarem nas areias das praias


O vereador Max Prejuízo (PSB) apresentou na manhã desta quarta-feira, 18/9, na Câmara Municipal de Aracaju (CMA), Projeto de Lei n° 198/2013 que acrescenta ao PL n° 2.024, de agosto de 1993, que proíbe o tráfego de veículos automores de circularem sobre a faixa de areia nas praias de Aracaju, multa de R$ 500,00, além da apreensão do veículo do infrator.
 
"A Lei 2.024 é de extrema importância mas como não acarreta pena ao infrator é totalmente desconsidera. Em todos os finais de semana observamos veículos automotores trafegando pelas areias de nossas praias, colocando em risco os banhistas e, em especial, as crianças que brincam na areia", argumentou o vereador Max Prejuízo durante o Pequeno Expediente.

O parlamentar frisou que além do perigo dos veículos circulando nas areias das praias, ainda há as manobras "radicais" feitas por condutores de quadriciclos. "Os quadriciclos não são brinquedos e sim veículos que exigem aos condutores a habilitação nacional e o uso de capacetes", concluiu o parlamentar.
 
Presidente da Amsia detalha implantação da montadora de carros em SE
A Amsia Motors contratou duas empresas com larga experiência no mercado internacional, para elaboração do projeto industrial e execução das obras de engenharia da indústria, que será implantada em Sergipe. A informação foi divulgada nessa sexta-feira, 13, pelo presidente da Amsia Motors, Mustafa Zeauddin Ahmed, durante videoconferência estabelecida com o secretário Saumíneo Nascimento, do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec) e seu assessor direto, Célio Martins.

Na reunião, o dirigente da empresa destacou que no próximo mês de outubro virá a Sergipe, acompanhado de assessores financeiros e engenheiros da Amsia, para uma reunião conclusiva, a fim de finalizar aspectos do projeto de implantação e execução das obras da nova fábrica. "De acordo com cronograma enviado pela empresa, a previsão é de que as obras de implantação da indústria em Sergipe comecem no início do próximo ano", disse Célio Martins, ao observar que durante a conversa Mustafa Ahmed enfatizou a importância do Porto de Sergipe para o sucesso do empreendimento estrangeiro.

No local foi destinada uma área para construção de um novo berço de atracação que será direcionado para cargas gerais, a fim de atender as necessidades da empresa e de outras que venham utilizar o porto. "Ainda durante nossa conversa, o presidente da Amsia também destacou a reunião que teve com o governo da Holanda, que sinalizou o interesse em financiar o projeto de ampliação do Porto de Sergipe", observou Célio.

Para tratar de detalhes sobre o assunto, o secretário Saumíneo Nascimento vai agendar uma reunião com a diretoria do Porto, com a participação do presidente da Amsia, através de videoconferência. "Estamos mantendo uma troca constante de informações e detalhamento do agendamento do projeto com o presidente Mustafa, que fica em Bangladesh e com o Diretor de Marketing, Moeth Ahmed, que fica no Canadá", explicou ao destacar que a expectativa é bastante positiva com relação ao início das obras de instalação da primeira montadora de veículos de Sergipe.

De acordo com o secretário, deverão vir também técnicos da Ásia para reuniões com empresários locais que possam ser agregados ao projeto, na fase de construção da planta industrial. "Nossa ideia também é promover um debate entre as empresas coordenadoras do projeto, com as empresas locais sergipanas, que poderão apoiar, sob o aspecto da construção, as inversões a serem realizadas", disse Saumíneo, observando que também no mês de outubro deverão acontecer novas rodadas de conversas com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic), Sudene, Bndes e Bnb. 

"Com isso esperamos aprofundar os procedimentos para inserção do projeto no Programa Inovar-Auto e também os projetos específicos para os incentivos fiscais federais da Sudene, além da discussão de financiamentos para as empresas satélites que virão por conta do projeto", ressaltou.

Amsia em Sergipe
Para implantação da fábrica, o governador em exercício, Jackson Barreto, assinou um protocolo de intenções com o presidente da Amsia Motors, Mustafa Ahmed, no último mês de junho, durante solenidade que contou com a presença do príncipe da Arábia Saudita, Abdul Rahman bin Faisal al Saud.

O empreendimento industrial deverá produzir veículos automotores híbridos e elétricos, com expectativa de gerar aproximadamente 4 mil empregos diretos, onde será investido um montante aproximado de R$ 1 bilhão. A planta industrial deverá ser instalada no município de Barra dos Coqueiros, num terreno próximo ao Parque Eólico, nas imediações do antigo projeto do Pólo Cloroquímico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário