segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Deputado cobra reajuste dos professores



Com a chegada na Assembleia Legislativa do projeto de Lei Complementar que concede reajuste salarial aos professores, o vice-líder da oposição, deputado estadual Augusto Bezerra, cobrou coerência do governo e pediu informações sobre percentuais pedidos pelo sindicato que representa a categoria dos professores, o Sintese, no ano passado. O deputado disse que não costuma se posicionar contra aumento salarial, mesmo que não concorde.


“Não voto contra aumento para categoria nenhuma. Hoje sou cobrado pelos professores de vários pontos do Estado, por onde passo. E por isso gostaria de saber quanto os professores tiveram de janeiro a agosto deste ano”, questionou. Segundo ele, outras categorias estão cobrando por um reajuste e essa dúvida precisa ser resolvida.


De acordo com Bezerra, é preciso dar explicações sobre os 22% (pedido pelos professores) do nível superior, pois tem havido cobrança. “Precisamos saber como ficou a questão dos 6,5% do ano passado. Preciso dessa informação para discutir o projeto (de reajuste de 7,9%) nas comissões e no Plenário”, argumentou.

Um comentário:

  1. Nós professores do estado de Sergipe, estamos massacrado por esse governo do PT, que somente prega mentiras, e que nada faz pela nossa classe.

    ResponderExcluir