quinta-feira, 22 de agosto de 2013

“Nem DEM, nem PSC”, defende Ana Lúcia

Temos uma resolução congressual de não construir alianças com o DEM, por ser um partido que tem um projeto de sociedade oposto ao defendido pelo Partido dos Trabalhadores. Já o PSC em Sergipe representa uma concepção conservadora e atrasada da política, na contramão dos direitos dos trabalhadores e na contramão do que propõe o nosso partido. Por isso, nem João Alves nem Amorim nos interessam como aliados. Nem DEM, nem PSC”. A responsável pela afirmação é a deputada estadual Ana Lúcia (PT).


As possíveis alianças do PT para as eleições de 2014 em Sergipe, segundo Ana Lúcia, devem ser debatidas por todos os candidatos à Presidência Estadual do PT. Concorrendo com a chapa “Vamos Mudar Sergipe para Mudar o PT”, Ana Lúcia garante que levará sua posição para os debates com os filiados e filiadas do PT durante o processo que elegerá a nova direção do partido.

Ana Lúcia entende que o PT deve fazer uma avaliação crítica séria sobre as consequências das alianças anteriores. “O pragmatismo político e a busca pela governabilidade a qualquer custo mais prejudicam do que ajudam. Não faltam exemplos que demonstram o equívoco que foi a aliança do PT com grupos conservadores e reacionários da política sergipana. A própria vitória de João Alves em Aracaju é reflexo de um anti-petismo gerado em parte pela opção que o PT adotou nos últimos anos de se aliar com quem é contrário aos valores que acreditamos”, acredita Ana Lúcia.

Militante histórica do Partido dos Trabalhadores, Ana Lúcia defende que o melhor caminho para o PT é retomar a aliança com o povo organizado. Segundo Ana Lúcia, “ainda temos problemas estruturais em nosso estado que precisam ser resolvidos e o PT tem um papel determinante de enfrentá-los, mas isso só será possível com uma política que envolva diretamente os movimentos sociais, as associações de moradores, os sindicatos, a juventude e os estudantes, respeitando e mantendo a autonomia desses segmentos. Enfim, o PT precisa reconstruir uma aliança firme, sincera e transparente com o povo do nosso estado”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário