segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Mais de 2 mil empresas foram abertas no primeiro semestre


De janeiro a julho deste ano, a Junta Comercial de Sergipe (Jucese), vinculada à Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec), já registrou a abertura de 2.775 novas empresas.
 
O número é 4,3% maior do que os registros do ano passado. O índice de fechamento de empresas também surpreende positivamente. Isso porque, no acumulado de janeiro a julho deste ano, 758 empresas foram extintas.

Enquanto no mesmo período de 2012, foram 926, o que representa uma redução de cerca de 18%. Para George da Trindade Gois, presidente da Jucese, os dados são, de fato, muito positivos.
 
“O acumulado mostra que a economia sergipana segue crescendo. Afinal, com novas empresas, surge, também, mais emprego e renda para a população”, analisa George Trindade.

Vale lembrar que, das novas empresas, o setor de serviços continua sendo o que mais atrai investidores, seguido de comércio e indústria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário