quarta-feira, 24 de julho de 2013

Prefeito decide: VCA fora do sistema de transporte

O prefeito João Alves Filho (DEM) anunciou na manhã de hoje, 24, que as empresas rodoviárias " Viação Cidade de Aracaju (VCA)" e a "São Cristóvão", estão fora do sistema integrado de transporte, o qual compreende as cidades de Aracaju, São Cristóvão, Nossa Senhora do Socorro e Barra dos Coqueiros. Com o anúncio, as Prefeituras que fazem parte do Sistema farão o chamamento oficial, convidando outras empresas de transporte a atuar na Grande Aracaju.

Durante coletiva, o prefeito João Alves disse que a VCA e a São Cristóvão já estavam afastadas do sistema, já que há algum tempo a empresa não circula nas cidades. "Estamos afastando essas empresas oficialmente, porque na prática elas já tinham parado de funcionar".


"Estamos angustiados com toda essa situação. Quando assumimos a Prefeitura encontramos esse caos anunciado. O transporte não funcionava bem e paulatinamente foi se deteriorando com a postura da VCA. Estamos hoje vivendo um caos, mas, infelizmente, não podemos resolver de um dia para a noite", esclareceu o prefeito.


De acordo com João Alves, toda a transição para o remanejamento das empresas está sendo feito de comum acordo entre as Prefeituras que compreendem a Grande Aracaju. "Não podemos trazer uma solução apenas para Aracaju sem levar em consideração os outros três municípios que fazem parte do sistema integrado. A licitação que estava tramitando, era apenas para Aracaju e não englobava os outros municípios. Fazer isso é voltar ao passado. 
Estamos fazendo agora um ‘consórcio' entre os municípios, de forma integrada".  


Sobre a escolha da nova empresa viária, João Alves disse que está analisando propostas de Companhias responsáveis que pudessem atender as demandas do sistema. "Além dos nossos requisitos, deixamos claro para os empresários que não poderíamos garantir que eles ganhassem a licitação que será implantada. Por conta disso, convidaremos membros da Ordem dos Advogados do Brasil e do Ministério Público para participar de todo o processo licitatório, demonstrando nossa isenção e transparência".


"Para que tudo isso aconteça, não podemos fazer nada sem o aval do governador. Tenho certeza que ele, como representante da população, autorizará a realização da licitação para os quatro municípios. Queremos esse entendimento que está pactuado com os prefeitos, seja homologado pelo governador", declarou João Alves.


Sobre a situação dos funcionários das empresas que perderam a concessão, a secretária da Defesa Social e Cidadania, Georlize Costa Teles, disse que as companhias convidadas a vir à Aracaju, estão cientes de toda a situação. "Temos toda a preocupação com os aracajuanos e os funcionários da VCA e da São Cristóvão. Já conversamos com todas as empresas interessadas sobre essa questão de forma bastante transparente demonstrando que essa questão é prioritária para o prefeito João Alves".


Outra questão abordada pela secretária Georlize foi referente ao vale transporte e passe escolar, que atualmente é administrada pelo SETRANSP (Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Município de Aracaju). "Essa situação somente é possível por conta de uma lei federal determinando que a administração do vale transporte e passe escolar é de obrigação da operadora. Aqui em Aracaju, as empresas se reuniram e pactuaram que essa seria uma obrigação da SETRANSP".



Leia também:













 

Nenhum comentário:

Postar um comentário