segunda-feira, 15 de julho de 2013

Jornalistas escolhem nova diretoria da Fenaj no dia 18

A eleição para a direção da Federação Nacional dos Jornalistas para o triênio 2013/2016 ocorre entre os dias 16 e 18 de julho. Em Sergipe a votação acontecerá somente no dia 18 de julho das 8h às 20h.


Os votos serão coletados em 5 urnas fixas (sendo uma na sede do sindicato) e 1 urna itinerante. Profissionais que quitarem seus débitos com os sindicatos da categoria no dia da eleição também poderão participar. 


Além dos jornalistas sindicalizados até 16 de abril e quites com seus respectivos Sindicatos, poderão votar, também jornalistas aposentados. Profissionais que estiverem viajando poderão votar em trânsito, desde que comprovem a situação regular junto a seus estados de origem. Para a direção da FENAJ o eleitor escolhe uma das duas chapas. Já para a Comissão Nacional de Ética é permitido o voto em até 5 dos 10 candidatos inscritos.


Duas chapas concorrem a direção. A Chapa 1 que é encabeçada pelo atual presidente, Celso Schröder e a Chapa 2, que tem como candidato da presidência, Pedro Pomar.


Caroline Santos, Cristian Góes e George W. Silva são os jornalistas sergipanos que participam do pleito nacional. Os três fazem parte da chapa 2.


Conheça as propostas das duas chapas:

Chapa 1
Chapa 2  

Confira os locais de votação para as eleições para direção do Sindijor e da FENAJ
A eleição da nova diretoria do Sindijor e também da direção da Federação Nacional dos Jornalistas e a Comissão Nacional de Ética acontecem em Sergipe no dia 18 das 8h às 20h.
Os jornalistas aptos a votar terão a disposição 5 urnas, sendo 4 fixas e 1 itinerante.

Urna fixa na sede do Sindijor – Rua Itabaianinha, 261 – Sala 10 – Centro
Urna fixa na TV Sergipe - à rua Alto do Morro da TV – Bairro Cidade Nova
Urna fixa no Jornal da Cidade - Av. Antônio Cabral, 1069 – Bairro Industrial
Urna Fixa no Correio de Sergipe - Rua Cláudio Batista, 334 – Bairro Santo Antônio
Urna itinerante  - que percorrerá as demais redações, secretarias de Comunicação do Estado e de Aracaju
Dia 18 tem eleição para direção do Sindijor/SE  
As eleições para os novos membros da Direção Executiva, Conselho Fiscal, Comissão de Fiscalização e Registro do Exercício Profissional e da Comissão de Ética do Sindicato dos Jornalistas de Sergipe (Sindijor), que ocorrem no dia 18 deste mês, têm apenas uma chapa inscrita, a encabeçada pelo jornalista Paulo Sousa. Apoiada pela atual diretoria, a chapa “Fortalecer a Luta para Continuar Avançando” tem Paulo Sousa como candidato a presidente e Edmilson Brito como vice-presidente.

Formado em Jornalismo e especializado em Radiojornalismo, Paulo Sousa milita na imprensa sergipana há mais de 15 anos. Além de jornalista é também radialista e publicitário. Já Edmilson Brito, que também é formado em Jornalismo, é radialista e estudante de Direito.

Entre as bandeiras defendidas pela chapa “Fortalecer a Luta para Continuar Avançando”, destaques para a luta em prol da aprovação da PEC do Diploma na Câmara Federal; aprovação do projeto de lei que cria o Piso Nacional dos Jornalistas; aquisição da sede própria do Sindijor; rigorosa fiscalização do exercício profissional; salário justo e compatível com a importância social do jornalista, e o combate ao assédio moral nas empresas de comunicação.

O candidato à presidência do Sindijor explica os motivos que o levaram a disputar a eleição.

“Na verdade, não passava pela minha cabeça ser candidato a presidente do Sindijor, mas diante a desmotivação de muitos colegas e os constantes ataques que a nossa categoria tem sofrido, decidi, com o apoio da atual diretoria e com a simpatia dos demais companheiros, encarar esse desafio. Acredito que temos como inovar, atrair a categoria ao sindicato, fortalecer a luta e conseguir avançar nas principais reivindicações da classe”, diz confiante Paulo Sousa.

Para o candidato à vice-presidente, a hora é de fortalecer a luta, arregaçar as mangas e buscar novos horizontes.

“Acredito que a categoria só vai avançar se todos derem as mãos. Todos unidos em um único objetivo: resgatar a nossa dignidade profissional e lutar para sairmos da lista dos jornalistas que têm os piores salários do País. Isso é vergonhoso. Enquanto Alagoas tem um piso de quase R$ 3 mil o nosso não chega a metade. É uma situação insustentável. Precisamos avançar nesse e em outros pontos importantes da nossa categoria”, defende Edmilson Brito.

A eleição para escolha da nova diretoria do Sindijor acontece no dia 18 deste mês, das 08h às 18h.

CHAPA 1:  “Fortalecer a Luta para Continuar Avançando”



DIRETORIA EXECUTIVA



Presidente – Paulo de Sousa
Vice-presidente – Edmilson Santos Brito
Adjunta da Secretaria Geral –  Caroline Rejane Sousa Santos  
Secretaria de Finanças – Diego Oliveira Santos Gois
Adjunto da Secretaria de Finanças – Leila Santos Soares 
Secretaria de Formação e Sindicalização – Ronaldo Sales Bezerra 
Adjunto da Secretaria de Formação e Sindicalização – Claudomiro Ribeiro de Santana
Secretaria Jurídica, de Saúde e de Assistência – Joedson Telles Simões
Adjunto da Secretaria Jurídica, de Saúde e de Assistência - Carlos Bonfim Lacerda Resende  
Secretaria de Cultura e Comunicação – Milton Bruno Santos Alves de Almeida
Adjunto da Secretaria de Cultura e Comunicação – Priscila Andrade da Silva 
Secretaria de Relações Institucionais e Sociais – Paulo Victor Purificação Melo
Adjunto da Secretaria de Relações Institucionais e Sociais – Cleones dos Santos
CONSELHO FISCALTitulares – Hipácia Andrade Nogueira
                Raimundo Macedo Ferreira 
                Marcos Augusto Borges Torres        

Suplentes – Adel Riquison Ribeiro Nunes 
                 José Edson Araújo do Carmo 
COMISSÃO DE REGISTRO E FISCALIZAÇÃO DO EXERCÍCIO PROFISSIONAL 
Titulares – Noel Lino dos Santos
                Kátia Paim Cavalheiro Menezes
                Maria Odília dos Santos
                Nivaldo Cândido de Souza
                Jason Gois da Silva Neto
Suplentes – João Evangelista Andrade Neto
                  José Lupércio Santos 

COMISSÃO DE ÉTICA, DIREITOS HUMANOS E LIBERDADE DE EXPRESSÃO
Miralda Santos
Jairo Alves de Almeida 
Thiago Paulino da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário