quarta-feira, 31 de julho de 2013

Comissões de Turismo do Senado e Câmara se reunirão em Aracaju com presença de Ministros

Aracaju será sede das reuniões da Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo do Senado e da Comissão de Turismo e Desporto da Câmara Federal. O evento, que vai ser realizado no dia 09 de agosto, no Hotel Radisson, às 8h30min, reunirá senadores e deputados federais membros das comissões, secretários de turismo do Nordeste, prefeitos, além da presença do presidente da Confederação Nacional do Turismo, Nelson de Abreu Pinto, dos ministros do Turismo, Gastão Vieira e da Integração Nacional, Fernando Bezerra, do presidente da Embratur, Flávio Dino e do governador de Pernambuco, Eduardo Campos e do governador (em exercício) de Sergipe, Jackson Barreto.

Durante as reuniões, será realizado o "Seminário para o Desenvolvimento Regional do Nordeste", teve a solicitação do presidente da comissão, o senador Valadares para que fosse realizada na capital sergipana. No seminário, os gestores e os parlamentares terão a oportunidade de dialogarem acerca de assuntos que gerem fomentação do turismo nos Estados. O ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra vai assinar a licitação de estudos de viabilidade do Canal Xingó, a maior obra de infraestrutura hídrica de Sergipe. 

Além disso, haverá também a assinatura do convênio pelo ministro do Turismo, Gastão Vieira para o Centro de Convenções de Sergipe. Cerca de R$ 20 milhões serão destinados para reforma e ampliação do Centro de Convenções, recursos oriundos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do Turismo.

Centro de Convenções
O Governo de Sergipe pretende ampliar e duplicar a capacidade do local existente para incentivar cada vez mais a vinda de grandes eventos para o Estado. De acordo com o secretário de Turismo de Sergipe, Elber Batalha, com a reforma do Centro de Convenções, o turismo de eventos no Estado se tornará, de fato, competitivo. "Sergipe hoje desponta como uma grande novidade do Nordeste e esta fatia do turismo de eventos e negócios são fundamentais para que o Estado entre de vez no roteiro dos grandes eventos nacionais", espera.



Leia mais:













 

Nenhum comentário:

Postar um comentário