segunda-feira, 1 de abril de 2013

CUT realiza ato pela criação da Comissão Estadual da Verdade

A Central Única dos Trabalhadores de Sergipe (CUT/SE) realiza hoje um Ato Público para cobrar do Governo de Sergipe a criação da Comissão Estadual pelo Direito à Verdade e à Memória, que deve investigar os crimes cometidos em Sergipe durante o período da Ditadura Civil-Militar do Brasil.

As atividades estavam marcadas para serm iniciadas a partir das 8h no Calçadão da João Pessoa e lá, serão expostos dados como, por exemplo, os Estados que já possuem a Comissão instalada e seus resultados.

Para o vice-presidente da CUT/SE, Roberto Silva, é preciso reforçar a necessidade da criação da Comissão da Verdade em Sergipe para que esse período obscuro da história seja passado a limpo. “Sergipe é um dos poucos Estados que ainda não possui a Comissão e isso é um atraso para nós. É preciso que seja esclarecida a verdade para que nunca mais aconteça”, ressalta.

A criação da Comissão Estadual da Verdade e Memória é fundamental para subsidiar a Comissão Nacional, de forma que se esclareça os crimes ocorridos no período da Ditadura no Estado.

O Ato da CUT acontecerá no dia 1º de Abril, considerado dia da mentira, mais também o dia que ocorreu o Golpe de 1964 que destituiu o Presidente João Goulart, eleito pelo povo, e colocou no poder um governo ditatorial.

Comissão da Verdade
A comissão tem como finalidade examinar e esclarecer as graves violações de direitos humanos, praticadas entre 1946 e 1988, a fim de efetivar o direito à memória e à verdade histórica. Os integrantes da Comissão terão acesso a todos os arquivos do poder público sobre o período e poderão convocar vítimas ou acusados de violações para depoimentos. A Comissão Nacional da Verdade foi instalada, oficialmente, em maio de 2012.

Nenhum comentário:

Postar um comentário