quinta-feira, 25 de abril de 2013

Codevasf licita ações do programa Mais Irrigação em Sergipe

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) finalizou esta semana o primeiro processo licitatório do programa Mais Irrigação no estado. Assim, a companhia fará a aquisição de equipamentos topográficos que serão utilizados nos perímetros irrigados Propriá, Cotinguiba/Pindoba e Betume. Até o final do ano, serão licitados todos os R$ 102 milhões destinados pelo programa do Governo Federal aos perímetros irrigados do Baixo São Francisco em Sergipe.

 
Até 30 de maio, três das principais ações do Mais Irrigação, que consumirão quase 50% do valor destinado aos perímetros irrigados, deverão ter sua parte burocrática finalizada. São elas: o convênio com o Estado para a pavimentação de estradas de serviços, a reabilitação de pouco mais de 46 quilômetros de canais de irrigação e a aquisição de máquinas e equipamentos de suporte à operação e manutenção dos perímetros. O investimento para essas três ações totaliza aproximadamente R$ 47,5 milhões.

Para o superintendente regional da Codevasf, Paulo Viana, as ações nos perímetros irrigados são uma demonstração concreta da contribuição da companhia para a população do Baixo São Francisco. “Em parceria com o governo estadual, prefeituras, produtores e a parceria de diversas instituições, a Codevasf tem buscado maximizar a aplicação de recursos federais, contribuindo de forma decisiva para a melhoria das condições de emprego e geração de renda da população da área rural”, declarou.

Em convênio com a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano (Sedurb), a Codevasf investirá R$ 23,1 milhões para a pavimentação dos principais corredores de escoamento da produção nos perímetros irrigados do Baixo São Francisco. Ao todo, serão pavimentados quase 30 quilômetros de estradas de serviços. O convênio também será destinado à construção de uma ponte sobre o riacho Pilões, no perímetro Cotinguiba/
Pindoba, pelo valor de R$ 1,2 milhão.

Com a reabilitação de 46,6 quilômetros de canais de irrigação nos perímetros Propriá, Cotinguiba/Pindoba e Betume, a totalidade de canais que servem a esses projetos terá sido revitalizada. A Codevasf investirá cerca de R$ 19 milhões para a reabilitação de canais. A companhia aplicará também pouco mais de R$ 4,1 milhões para a aquisição de máquinas e equipamentos que dão suporte à operação e manutenção dos perímetros irrigados.

Hoje, a patrulha mecanizada da Codevasf em Sergipe é composta por 16 máquinas em funcionamento: quatro caminhões basculantes, um caminhão-muque, três escavadeiras hidráulicas (uma delas atualmente em manutenção), uma retroescavadeira, duas pás-carregadeiras, duas motoniveladoras e três tratores agrícolas. E os perímetros possuem 16 operadores de máquinas à disposição, sendo oito do quadro de funcionários da Codevasf, quatro contratados pelos Distritos de Irrigação e quatro disponibilizados por prefeituras por meio de acordos de cooperação técnica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário