sexta-feira, 22 de março de 2013

Vereador Adriano Taxista quer MP fiscalizando tempo de uso da frota de ônibus da capital



O vereador de Aracaju, Adriano Oliveira (PSDB), o “Adriano Taxista”, ocupou a tribuna da Câmara Municipal, na tarde de ontem para anunciar que assim que tiver uma resposta do seu requerimento encaminhado à Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) sobre o tempo de uso do transporte público de Aracaju, vai acionar o Ministério Público Estadual (MPE) com o intuito de fiscalizar e garantir que veículos com mais de sete anos de uso não continuem prestando o serviço na capital.


Adriano explicou que a solução ainda é a licitação do transporte e denuncia que as empresas de ônibus, após a retirada de 50 veículos da VCA de circulação, estão enganando os órgãos fiscalizadores e, consequentemente, penalizando a população. “A população de Aracaju tem que ficar atenta. Eu já denunciava que essas duas empresas não possuem carros novos na reserva. Pegaram veículos que estavam parados, sem uso, para fazerem o transporte da população. Isso é uma falta de respeito com o povo de Aracaju”.

Em seguida, o vereador seguiu denunciando que os “novos ônibus” que entraram em circulação estão quebrando constantemente pelas ruas da capital. “Como nós denunciamos que os carros velhos estão quebrando, os empresários agora estão remanejando veículos de outras linhas. Ou seja, aquela linha que é bem assistida, pode ficar comprometida porque os veículos estão cobrindo os da VCA que foram retirados de circulação. Estão apenas tapando buracos. Trocaram seis por meia dúzia”.

Adriano Taxista explicou ainda que a SMTT só deveria retirar os ônibus da VCA de circulação após fazer um levantamento e apresentar o relatório. “Não vamos abrir mão de que se migre 100% dos trabalhadores da VCA que estão perdendo o emprego. Eles querem fazer seleção e isso nós não aceitamos porque os rodoviários não podem ser penalizados pela falta de compromisso dos empresários, que enganaram até a SMTT. Infelizmente o povo da capital tem um transporte público de péssima qualidade”.

Por fim, Adriano Taxista voltou a defender a licitação do transporte e disse que só espera a documentação da SMTT. “Com os dados em mãos eu vou acionar o MP para que fiscalize os ônibus, para ser igual aos taxistas. O povo está sendo enganado. Os veículos saem das empresas com um destino e depois eles mudam as placas. Não tem como fiscalizar. Estão remanejando e todos os dias que tiver sessão nós vamos mobilizar a nossa categoria”, disse o tucano, agradecendo o apoio dos demais vereadores.

Plebiscito – O vereador também destacou o êxito da PMA e da Assembleia Legislativa para a realização do plebiscito da Zona de Expansão, para definir os limites entre Aracaju e São Cristóvão. “Durante a campanha passada, me lembro bem do deputado federal e candidato a prefeito Valadares Filho (PSB) falar uma série de inverdades sobre João Alves e Machado. Que eles queriam dividir Aracaju. Eu estou no PSDB graças a José Carlos Machado e se existe alguém sério na política é ele que está de parabéns pela decisão do Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE/SE) que aceitou o pedido e vai fazer o plebiscito ainda este ano”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário