quinta-feira, 14 de março de 2013

Proibição de trabalho para menor de 16 anos deve constar do ECA

A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) aprovou alteração no Estatuto da Criança e do Adolescente para evidenciar que o trabalho é proibido para os menores de 16 anos, salvo na condição de aprendiz, a partir dos 14 anos. A medida deverá servir para harmonizar as regras do ECA ao que prevê a Constituição.


O texto aprovado é um substitutivo do senador Paulo Davim (PV-RN) ao projeto (PLS 389/2011) do senador Vital do Rêgo (PMDB-PB). Essa proposta alternativa não inclui as demais alterações que constavam da proposição original e que tratavam de diferentes temas, como a elevação do período máximo de internação do menor infrator, de três para cinco anos, e do limite de idade para a liberação compulsória, de 21 para 23 anos.
Ao descartar essas sugestões, Davim observou que um mesmo projeto não pode abordar temas distintos, o que seria injurídico em sua avaliação. Além disso, ele salientou que a ampliação do período de internação do menor viola direito do adolescente à proteção especial, conforme previsto na Constituição.
A proposta de Vital do Rêgo também trata da proibição da venda de produtos fumígenos (tabaco e outros à base de nicotina) a menores. E, por isso, tramitam em conjunto com o projeto outras duas proposições tratando da proibição da venda de fumígenos ao mesmo grupo etário -o PLS 568/2011, de Humberto Costa (PT-PE), e PLS 357/2011, de Blairo Maggi (PR-MT) - que foram rejeitados. Davim explicou que a restrição à venda de produtos com componentes que possam causar dependência, inclusive os fumígenos, já está prevista no ECA e em outras normas.
Os projetos vão seguir agora para a Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH).
 Da Agência Senado



leia também:

Presidente do PSC Sergipe recebe representantes da ABGLBTT

Sindicalista diz que São Cristóvão virou terra do terror para servidores

Armando rebate sindicalista e diz que prefeitura tem rombo de R$ 43 milhões

Sessão especial discute 10 anos do Aracaju de Tototó e preservação do Rio Sergipe

Proibição de trabalho para menor de 16 anos deve constar do ECA

Jurista aponta falhas na definição de conceitos no projeto de Reforma do Código Penal

Copom mantém em 5% projeção de reajuste da gasolina este ano

TJSE foi o único do País a julgar todos os homicídios dolosos

Justiça determina realização de adequações nas delegacias metropolitanas e no COPE

Projeto Carnalita torna-se o principal investimento da Vale em potássio

Estudos para a implantação do BRT em Aracaju começam a ser realizados

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário