quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Valadares busca solução para efeitos da seca junto a ministério

O senador Antonio Carlos Valadares (PSB-SE) ocupou o Plenário do Senado na tarde de ontem para falar sobre a visita realizada pela manhã ao Ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra. Juntamente com os deputados federais Márcio Macedo (PT),
Rogério Carvalho (PT) e Valadares Filho (PSB), prefeitos entregaram ao ministro os pleitos de seus municípios relacionados ao combate a seca pedindo a execução de obras como a construção de açudes, pequenas barragens e aberturas de poços artesianos. Como também obras voltadas para a implantação do Projeto Xingó, que é um dos projetos mais importantes que serão executados pela Presidente Dilma, no estado de Sergipe, para atender não apenas às populações do semiárido.


Valadares lembrou que o estado de Sergipe como outros estados do Nordeste têm sido castigados pelas últimas estiagens. “Em 2012, houve a maior seca dos últimos 30 anos, e essa seca ainda continua invadindo o ano de 2013. E não há previsão, pelos menos pelos institutos, de que haverá chuvas em profusão para uma lavoura normal, para o atendimento
às necessidades da economia do Nordeste e de Sergipe”, declarou.

O senador informou que a reunião com o Ministro Fernando Bezerra foi da maior utilidade. “Através de diversos programas do Governo Federal voltados para o combate às secas, como o projeto que fortalece o sistema de abastecimento de água das populações e também o da irrigação, o ministro vai transferir para o estado de Sergipe R$ 150 milhões para projetos de irrigação no Baixo São Francisco, (Propriá, Betume e Cotinguiba/Pindoba). E haverá, também, a entrega ao estado de três máquinas perfuratrizes de alta potência que podem oferecer poços de até 500 metros de profundidade. Certamente esses equipamentos vão ajudar substancialmente no surgimento de água na nossa região”, afirmou.

Na oportunidade, Valadares lembrou que na semana passada a Presidenta Dilma esteve em Sergipe inaugurando duas obras. “São obras que considero fundamentais. A Usina Eólica, que vai fornecer mais de 300 megawatts de energia, para fortalecer o sistema energético, a
distribuição de energia em Sergipe e no Nordeste, com capacidade para abastecer uma cidade de 120 mil habitantes. E, também, a inauguração da Ponte Gilberto Amado, a maior ponte sobre um rio já construída no Nordeste do Brasil com a presença, também, do Governador Marcelo Deda”, registrou.
 

O senador Valadares finalizou agradecendo ao Governo Federal as providências que foram tomadas, não somente na inauguração de obras fundamentais para o desenvolvimento da região, como também o apoio dado ao combate à seca no Estado de Sergipe.


Por Ana Paula Dourado (Brasília-DF) 

Assessoria de Imprensa – Gabinete do senador Antonio Carlos Valadares



Leia também:

 

Mendonça apoia criação de concurso público para integrantes dos Tribunais de Contas

 

Valadares Filho leva prefeitos para audiência com ministro Fernando Bezerra

 

Valadares busca solução para efeitos da seca junto a ministério

 

Estoque de sangue para Carnaval precisa de doações

 

Iran alerta: chega à Câmara PL do Executivo que muda Gestão Democrática nas escolas

 

Cesta básica aumenta em todas capitais em janeiro

 

Maioria da Mesa do Senado está sob investigação

 

Brasil foi quem mais reduziu desigualdade entre Brics, diz estudo

 

Governo de Sergipe convoca mais 147 aprovados em concurso do Magistério

 

Reajuste da telefonia fixa está no Diário Oficial da União

 

Supermercado BOMPREÇO : Produtos com validades vencida e adulterada e falta de higiene e limpeza motivam

 

Após ações do MPF/SE, Telemar é condenada a pagar indenizações que somam R$ 430 mil

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário