segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Proinveste: Eduardo Amorim amplia debate com Assembleia e Prefeitura da Capital

Em tom de consenso, o senador Eduardo Amorim (PSC) reafirmou na manhã desta segunda-feira, dia 4, que o diálogo é a essência do Proinveste em Sergipe. O parlamentar esteve na Assembleia Legislativa, em reunião, com a presidente, deputada estadual Angélica Guimarães (PSC) e com o prefeito de Aracaju, João Alves Filho (DEM), para averiguar as obras estruturantes e como elas irão beneficiar os sergipanos. “Não somos contra o desenvolvimento de Sergipe, analisamos os números e os projetos, e com responsabilidade, exigimos mais transparência”, disse Eduardo Amorim.

A capital poderá ser beneficiada com recursos, o que de imediato interessou o prefeito, João Alves Filho. Como a prioridade são as obras estruturantes, novas grandes avenidas aparecerão no cenário de Aracaju, desafogando, assim, o trânsito que já figura em dos principais problemas da gestão. Foram analisados os projetos da duplicação da Avenida Euclides Figueiredo, a interligação da Avenida Gasoduto à Avenida Augusto Franco “Rio de Janeiro”, a Avenida Perimetal Oeste, que passará por 22 bairros com finalização na Zona de Expansão.  

Para Eduardo Amorim as reuniões com o governador, Marcelo Déda e agora com o prefeito João Alves denotam o verdadeiro sentido político. “A presidente Dilma Rousseff sabe da nossa responsabilidade e da nossa coerência. Ampliar o debate, com os deputados, não significa reprovar o Proinveste, porém há de convir que as finanças do Governo não sejam tão favoráveis a empréstimos”, disse Amorim.  

A deputada Angélica Guimarães defende que é importante o diálogo entre as partes. “Os deputados já foram consultados e eles têm o direito de opinar e analisar cada projeto, pois esse é nosso papel e não poderia ser diferente”, afirmou Angélica ao avaliar como positiva a postura do governador, Marcelo Déda (PT), ao ampliar os debates. “Temos o senador Eduardo Amorim como interlocutor. Ele tem um papel preponderante nessa aprovação. Onde há diálogo, há entendimento, há respeito e com Eduardo Amorim essa questão está em primeiro plano”, reafirmou Angélica Guimarães.

Nenhum comentário:

Postar um comentário