sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Vice-prefeito quer plebiscito para este ano

Em entrevista concedida à TV Sergipe , o vice-prefeito de Aracaju, José Carlos Machado (PSDB), falou sobre a realização do plebiscito para definir a que município pertence a área da Zona de Expansão. Na última segunda-feira, 14, juntamente com o prefeito João Alves Filho e a presidente da Assembleia Legislativa de Sergipe, Angélica Guimarães, Machado participou da entrega à presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE/SE), Maria Aparecida Santos Gama da Silva, um decreto legislativo que trata sobre a realização do plebiscito.


Durante a entrevista, o vice-prefeito elogiou o apoio da Assembleia e do TRE/SE para solucionar o problema. "Tivemos uma boa receptividade da presidente do TRE, que na ocasião disse uma frase importante: ‘faltava vontade política'. E eu concordo com isso, porque bastou o prefeito eleito assumir esse compromisso com a população", comentou.

Segundo José Carlos Machado, o prefeito João Alves Filho há muito se preocupa em resolver o impasse que envolve as áreas do Mosqueiro, Areia Branca, São José e Terra Dura (Santa Maria), além dos núcleos habitacionais Santa Maria, Maria do Carmo e Antônio Carlos Valadares.

"Muito antes da candidatura João procurou o Supremo Tribunal Federal para ouvir a opinião de especialistas. Todos disseram que a Constituição Federal estabelece a exigência do plebiscito, não se pode mudar o limite entre dois municípios sem ouvir as populações envolvidas", disse.

"Há mais ou menos 60 dias, de posse de 1.800 assinaturas, na companhia de lideranças das áreas conflitadas, encaminhamos à presidência da Assembleia o pedido para que se iniciasse o processo que culminou com a aprovação no Legislativo. A participação da presidente da Assembleia Legislativa foi fundamental no processo", explicou Machado.

Para o vice-prefeito, a situação já poderia ter sido resolvida anteriormente, mas diz estar confiante de que agora, após o empenho da atual gestão, o problema terá solução. "Gestores que administraram Aracaju nos últimos 20 anos foram, no mínimo, condizentes com tudo isso. Agora, aguardamos os trâmites legais, mas estou confiante. É possível que ainda este ano já estejamos realizando o plebiscito", avaliou.
 
LEIA MAIS:

Empresas de telefonia celular, cartão de crédito e bancos lideram queixas nos Procons

Ministério retoma obras do projeto de transposição do rio São Francisco

Projeto de Renan permite fundo de segurança pública custear tratamento psicológico de policiais

Projeto permite que professor acumule ensino com cargo administrativo

Comissões prometem mais rigor em 2013 com telefônicas e operadoras de cartões

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário