terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Site "Copa Transparente" facilita acompanhamento de gastos para o torneio

Os poderes Legislativo e Executivo anunciaram hoje a unificação dos instrumentos para a população acompanhar e fiscalizar as obras de preparação para a Copa e os Jogos Olímpicos. A partir de agora, a página na internet www.copatransparente.gov.br passa a oferecer dados e documentos das obras e ações públicas ligadas à Copa de 2014 e aos Jogos do Rio de 2016.



A parceria foi firmada pelas comissões de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara e do Senado, a Controladoria-Geral da União (CGU) e o Tribunal de Contas da União (TCU).

O ministro chefe da CGU, Jorge Hage, ressaltou as vantagens das informações unificadas tanto para os órgãos de controle quanto para a população. Segundo Hage, a mudança resultará não só em benefício para o gestor, mas sobretudo em benefício para a população.

"Até agora, as cidades e os estados-sedes tinham que mandar as informações para dois lugares diferentes. Agora, a unificação da entrada dos dados significará muito mais facilidade, agilidade, atualização mais rápida e evitará contradições, inclusive por disparidade do momento em que um portal já tenha uma informação que o outro ainda não atualizou”, explicou.

O Presidente da Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara, deputado Edmar Arruda (PSC-PR), explica como o cidadão poderá acompanhar os investimentos públicos nas duas grandes competições que o Brasil sediará. "Ele pode verificar aquilo que está acontecendo, acompanhar, dar sugestões, fazer críticas e até denúncias”, detalhou.

Edmar Arruda acrescentou que acha muito importante dar oportunidade para o cidadão aprender como fiscalizar e exigir que os recursos federais venham em benefício dele. “Isso é muito importante em um país que estamos buscando fazer, cada dia mais, com que os recursos públicos aplicados sejam, de fato, retornados para o cidadão em forma de benefício. Infelizmente, ainda não é da cultura do brasileiro exigir os seus direitos”, argumentou.

Para o novo presidente do TCU, Augusto Nardes, o portal atende à exigência da sociedade por transparência. Segundo ele, a experiência poderá ser estendida futuramente para obras e serviços relativos à educação, saúde, previdência e ao meio ambiente, a fim de melhorar a governança do país.

O endereço do site é
www.copatransparente.gov.br.



LEIA TAMBÉM:


Valadares: A Política em Sergipe na ótica do Senador Amorim

 

Deputados sergipanos continuam com o maior recesso do país: 90 dias

 

Site "Copa Transparente" facilita acompanhamento de gastos para o torneio

 

OAB encontra inconstitucionalidades no Projeto de Lei que trata do Código de Ética Disciplinar dos Militares em Sergipe

 

Zona de Expansão: AL aprova plebiscito para definir imbróglio

 

COLUNA MAX AUGUSTO - Estacionamento pago, democracia e comunicação

 

João é diplomado e promete anunciar secretariado esta semana

 

Vereadores de Aracaju aprovam cotas para negros e índios em concursos

 

Ex-secretários de João não deverão assumir cargos na Prefeitura

 

Leis obrigam empresas a manterem cobradores em ônibus e prefeitura a afixar placas com itnerários nos pontos

 

Jackson critica deputado por votar contra o Proinveste

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário