segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

PR realiza em Aracaju seminário para parlamentares

O Partido da República realizou nesta segunda-feira, em Aracaju, seu primeiro seminário para vereadores, prefeitos eleitos e presidentes dos diretórios do partido em todo o estado. Foram abordados em palestras temas como assistência jurídico e contábil, apoio parlamentar e visibilidade política.



Um dos palestrantes foi o mestre em desenvolvimento humano e responsabilidade social Rodrigo Santos, autor do livro "Como Perder uma eleição". Segundo ele, o primeiro pressuposto para saber fazer política é fazer política com ou sem mandato. "Nós dicutimos alguns saberes, algumas culturas, que vão fazer com que você possa ganhar a eleição, até porque a verdeira vitória será depois das urnas, edificando a cada dia um projeto político consistente e vitoriso. Em alguns momentos, será com mandato, mas em outros não teremos mandato, mas é preciso ter a consciência de como fazer política com 'P' maiúsculo", disse.

"Tenho certeza que todos saíram do evento motivados para começar os trabalhos no ano que vem, afinal de contas nós precisamos cobrar dos republicanos um trabalho eficiente, leal e honesto. O Partido da República a partir de janeiro será um partido grande, reconhecido", disse o presidente do PR em Sergipe, o deputado federal Laércio Oliveira.

O vereador eleito em Aracaju pelo PR, Agnaldo Feitosa, afirmou que a iniciativa não poderia ser melhor. "Tem gente que faz festa de confraternização, mas nós tivemos a oportunidade de perguntar, de tirar as dúvidas, para amanhã nós podermos trazer o melhor para o povo", afirmou. Já o prefeito eleito de São Francisco, Celso do Peixe, destacou a importância de estar capacitado para administrar bem o município, "porque a gente não vai grenciar um negócio próprio, mas um bem do povo", disse.

Hoje o PR está presente em 66 municípios de Sergipe, com quase 15 mil filiados, 44 cadeiras nas câmaras de vereadores (sendo 3 em Aracaju), seis prefeitos, um vice-prefeito, um deputado estadual, um senador suplente e um deputado federal.


Nenhum comentário:

Postar um comentário