terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Governo publica medida provisória que destina royalties do petróleo para educação

Brasília - A Medida Provisória 592/2012, que define novos critérios para a distribuição dos royalties do petróleo para contratos assinados a partir de 3 de dezembro deste ano e sua destinação integral à educação, foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União na noite de ontem (3).

A MP foi anunciada na última sexta-feira (30) em complemento aos vetos da presidenta Dilma Rousseff à lei que trata da nova distribuição dos royalties aprovada pelo Congresso Nacional. Pela MP, os royaltiesrepassados ao governo federal, estados e municípios pelos contratos de concessão firmados a partir de 3 de dezembro serão destinados à educação.
De acordo com a MP, que segue agora para análise do Congresso, a divisão da parcela do valor dos royaltiesque representar 5% da produção nos contratos de concessão seguirá os seguintes percentuais:


Ano
2013
(em %)
Ano 2014 (em %)
Ano 2015 (em %)
Ano
2016
(em %)
Ano
2017
(em %)
Ano
2018
(em %)
Ano
2019
(em %)
Ano
2020
(em %)
Estados produtores confrontantes
20
20
20
20
20
20
20
20
Municípios produtores confrontantes
15
13
11
9
7
5
4
4
Municípios afetados

3
3
3
3
2
2
2
2
Fundo Especial, a ser distribuído
entre estados e o Distrito
Federal, de acordo com
o FPE

21
22
23
24
25,5
26,5
27
27
Fundo Especial, a ser distribuído
entre os municípios, de
acordo com
o FPM

21
22
23
24
25,5
26,5
27
27
União
20
20
20
20
20
20
20
20

Já os recursos da participação especial (pré-sal) relativos à produção ocorrida nos contratos de concessão firmados a partir de 3 de dezembro de 2012 serão distribuídos respeitando os seguintes percentuais:


Ano
2013
(em %)
Ano 2014 (em %)
Ano 2015 (em %)
Ano
2016
(em %)
Ano
2017
(em %)
Ano
2018
(em %)
Ano
2019
(em %)
Ano
2020
(em %)
Estados produtores confrontantes
32
29
26
24
22
20
20
20
Municípios produtores confrontantes
5
5
5
5
5
5
4
4
Fundo Especial, a ser distribuído
entre estados e o Distrito
Federal, de acordo com
o FPE

10
11
12
12,5
13,5
14,5
15
15
Fundo Especial, a ser distribuído
entre os municípios de
acordo com
o FPM

10
11
12
12,5
13,5
14,5
15
15
União
43
44
45
46
46
46
46
46


Richard e Danilo Macedo
Repórteres da Agência Brasil

LEIA TAMBÉM:

Justiça determina suspensão de pensões vitalícias às viúvas de ex-vereadores de São Domingos

 

ARTIGO: PRÊMIO SETRANSP NÃO É BOM PARA O JORNALISMO SERGIPANO

 

Governo de Sergipe encaminha Projeto de Lei para extensão de incentivos

 

Valadares Filho propõe que concursos públicos federais tenham provas realizadas em todas as capitais


Mudanças na direção da Fundação Hospitalar de Saúde

 

“Espero que João cumpra suas promessas de campanha”, diz Edvaldo

Sem exame da Ordem, Sergipe teria 25 mil advogados, diz presidente da OAB

Carlos augusto destaca que nunca houve eleição com chapa única na OAB










Fim da superlotação de presídios custaria R$ 4,2 bilhões

Nenhum comentário:

Postar um comentário