quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Central sindical promove ato contra taxa de estacionamentonos shoppings

A sociedade e, principalmente, os trabalhadores, não podem ser penalizados com a cobrança da taxa de estacionamento, imposta pelas direções dos shoppings Riomar e Jardins desde a segunda-feira, 26. Esse é o posicionamento da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil – CTB/SE. “Isso é bitributação. A sociedade já paga caro para ter acesso aos produtos e serviços oferecidos pelos shoppings. Agora, até os trabalhadores estão sendo obrigados a colocar a mão no bolso para desempenhar suas funções”, diz Edival Góes, presidente da CTB-SE.


Como forma de manifestar a insatisfação da classe trabalhadora em relação à cobrança da taxa de estacionamento, a CTB/SE fará um ato de protesto nesta quinta-feira, 29, às 20 horas, em frente ao Shopping Riomar. Portanto faixas e cartazes, a entidade e os sindicatos a ela filiados, vão exigir o fim a cobrança e o respeito à Lei Municipal 3348/2006. “Todos estão sendo prejudicados, mas os trabalhadores são os que amargam os maiores prejuízos”, afirma Edival.

Um comerciário que trabalha 8 horas por dia, se quiser estacionar o veículo dele na área interna dos shoppings, terá que desembolsar por dia, no mínimo, R$ 8. Isso porque ele vai pagar R$ 4 por um período de quatro horas e mais R$ 1 por hora extra. Ao longo de quatro semanas, a despesa será de R$ 192. “Ou seja, ele vai pagar para trabalhar”, enfatiza o presidente da CTB/SE.

E não são apenas os comerciários que saem perdendo. Bancários, estudantes, servidores públicos lotados nos Centros de Atendimento ao Cidadão e clientes, todos, sem exceção, têm que arcar com esse custo a mais. “Por isso, nós decidimos reagir a esse abuso. Vamos protestar para mostrar nossa revolta”, salienta o dirigente da CTB/SE.
Ascom CTB/SE


LEIA TAMBÉM:
 

Sindicato promovem ato contra taxa de estacionamentonos shoppings


Eduardo Amorim preside MP que destina R$ 1,95 bi para estados e municípios

 

Jackson se reúne com ministra Ideli Salvatti e pede liberação de recursos para o Hospital do Câncer

 

Jackson garante os recursos para o custeio de três novos hospitais regionais

 

Infraero garante a Jackson Barreto início da licitação para as obras da pista do Aeroporto de Aracaju

 

'CPI não pode se transformar num palanque eleitoreiro', diz Gustinho

 

Exames mostram estabilização da doença do governador Marcelo Déda

 

Jackson Barreto realiza audiências e recebe o ex-governador Albano Franco

 

Comissão de Educação pode votar Ato Médico hoje






Nenhum comentário:

Postar um comentário