quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Deputado apela para aprovação do Proinveste

O vice-líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Gustinho Ribeiro (PSD), apelou aos colegas parlamentares para que autorizem o governo do Estado a contratar empréstimos da ordem de R$ 727 milhões junto ao BNDES e a Caixa Econômica Federal.


Ele destacou que os recursos serão aplicados em rodovias, urbanização, saneamento, infraestrutura hídrica, perímetros irrigados, distritos industriais, saúde publica, educação, segurança, cultura, habitação e interesse social, e que fazem parte de um aporte de R$ 20 bilhões liberado pelo governo federal através do BNDES para 21 estados, para investimentos que tem como finalidade fortalecer os estados, combatendo a crise financeira.

Gustinho informou que trata-se de recursos com juros baixos e com prazos longos para investirem em obras estruturantes e pagamento de dividas antigas que os estados possuem com o governo federal, que atualmente contam juros muito altos e prazos curtos.

“Não estamos aqui para mostrar quem está certo ou quem está errado, mas para discutir os interesses do estado e que todos nós tenhamos a responsabilidade com o desenvolvimento de Sergipe. Apelo aos colegas para que se erga a bandeira do estado e aprove o Proinveste”, pediu Gustinho.

Lembra ainda o deputado que o aporte desses recursos vai criar cerca de 27 mil empregos, além da geração de tributos a exemplo do ISS e ICMS, com as obras que serão realizadas em todo o estado, com a construção de rodovias, escolas, casas, perímetros irrigados, equipamentos, construção de hospitais, IML, além de outras ações.

“O apelo que faço é para que o estado não sofra com as politicas eleitorais, e acredito que as forças irão se somar no intuito do desenvolvimento”, disse, lembrando que 14 estados já tiveram a sua autorização aprovada pelas suas assembleias. “Não podemos transformar Sergipe em um patinho feio, sendo único dos 21 estados a não contrair o empréstimo que está sendo oferecido pelo governo federal, onde essa casa nunca negou nenhum empréstimo ao governo”, disse, acentuando que não foi o governo do Estado que foi buscar o empréstimo, pelo contrario, o empréstimo está sendo oferecido pelo governo federal.

O vice-líder governista avaliou ainda que os prefeitos eleitos e reeleitos terão dificuldades em administrar os seus municípios sem a parceria dos governos federal e estadual e esses recursos serão fundamentais para os municípios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário