sexta-feira, 14 de setembro de 2012

União eleva em 49% gastos com diárias, passagens e locomoção

Os gastos da União com diárias, passagens aéreas e demais despesas com locomoção, destinados a funcionários civis e militares em viagem, chegaram a R$ 1,2 bilhão em 2012, conforme dados do Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal (Siafi), atualizados até 31 de agosto. A quantia representa aumento de 49% em relação ao mesmo período do ano passado, quando R$ 800 milhões foram desembolsados com essa natureza de dispêndios.

Veja aqui tabela dos gastos

A Pasta responsável pelo pagamento dos maiores valores no ano é o Ministério da Educação (MEC). Desde janeiro, cerca de R$ 181 milhões foram gastos pelo órgão – 29,5% a mais que no mesmo período de 2011, quando R$ 139,9 milhões foram desembolsados.
 

O segundo maior desembolso deste ano é do Ministério da Defesa (MD), no montante de R$ 167,7 milhões. O valor é 33,4% maior do que os R$ 125,7 milhões pagos em 2011. Questionada pelo Contas Abertas sobre o aumento, a assessoria de imprensa do MD informou que a questão é deveria ser  tratada diretamente com os comandos do Exército, Aeronáutica e Marinha, individualmente. Contudo, explicou que os dados referentes à Administração Central contabilizavam apenas R$ 18,1 milhões na gerência das três forças.
O Ministério da Justiça (MJ), por sua vez, apresentou dispêndios de R$ 144,7 milhões, R$ 62,7 milhões a mais do que foi gasto com diárias, passagens e locomoção em 2011. Segundo a assessoria, o aumento observado se deu em decorrência do incremento das atividades de fiscalização e poder da polícia. “Destacam-se as operações da Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal, além das requisições da Força Nacional de Segurança Pública pelos estados da federação e gastos com a Rio + 20”, diz nota.

 
Yuri Freitas
Do Contas Abertas
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário