quinta-feira, 20 de setembro de 2012

PMA apresenta projeto para conter avanço do mar na 13 de julho

Na manhã de hoje o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, reuniu técnicos e a imprensa para apresentar à sociedade o projeto de defesa litorânea da Praia 13 de Julho. O local vem sofrendo com aumento da força das ondas que atingem o muro de contenção localizando entre o  Mirante da Treze de Julho e o Iate Clube, aumentando a possibilidade de desabamento deste muro.

A situação já vem causando transtornos aos pedestres e motoristas e, caso houvesse um desabamento, o mar avançaria em direção às ruas do bairro 13 de Julho, gerando danos significativos para as moradias e o comércio local. A solução encontrada pela empresa Geotec, responsável pela elaboração do projeto, consiste na construção de um muro longitudinal aderente de contenção, reforçado por um campo dotado de seis espigões e um aterro.

A obra custará aproximadamente R$5 milhões e o prazo de execução é de seis meses. Durante a apresentação, realizada no Centro Administrativo Prefeito Aloísio Campos, Edvaldo explicou que não tem tempo para deixar a obra pronta, mas que viaja nesta sexta-feira para Brasília em busca de recursos para que ela possa, pelo menos, ser iniciada. Ele também irá apresentar o projeto ao governador do Sergipe, Marcelo Déda, em busca de uma parceria entre Estado e município.

"Esse é um tema que precisa ser tratado com seriedade, contratamos uma empresa sergipana que fez todos os estudos e encontrou a solução para aquele problema que hoje nos incomoda e que pode, a médio prazo, trazer sérias consequências para a nossa cidade. Caso eu não consiga os recursos, fica o projeto para que o futuro prefeito de Aracaju possa dar continuidade ao trabalho e realizar esse projeto de extrema importância para a cidade de Aracaju", observou.

Relatando a complexidade do trabalho em estuários, onde há o encontro do rio com o mar, Armando Brito, da empresa Geotec, explicou que foram estudados os aspectos das marés, estudos sedimentológicos, foram feitas várias sondagens na lâmina d'água, a topografia na presença de água para conhecer as profundidades, para depois fazer a concepção do projeto, que é afastar o impacto das ondas sobre a murada.

"Essa murada constitui a última defesa do bairro 13 de Julho. O muro longitudinal aderente tem a função de absorver o impacto das ondas, para não afetar o aterro, mas ele por si só estaria vulnerável ao impacto das ondas, por isso criamos os espigões transversais ao muro, que têm a função, tanto de reforçar a estrutura do muro, como também dissipar o efeito das ondas", explicou Armando.
Novo calçadão
Além de proporcionar segurança a todos os moradores do local, a Prefeitura de Aracaju também irá realizar um completo Projeto de Urbanização de toda a área, recuperando o potencial turístico e de lazer da antiga Praia Formosa, um ponto de encontro de muitos sergipanos na década de 50.
O novo ponto turístico terá ciclovia, calçadão, pier, lago com túnel d'água e deque, equipamentos de ginástica específicos para idosos, pergolados, ponto de ônibus, redários, quiosques, paisagismo, iluminação, acessibilidade, estacionamento e sinalização. Além das amplas áreas de vivência (com mesas e bancos), de contemplação, de recreação infantil com castelo encantado e esportiva com calçadão.

De autoria da Arquiteta e Urbanista Angélica Rocha, a obra tem valor estimado em R$2 milhões. "Além de solucionar o problema, vamos oferecer ainda mais beleza à nossa cidade. Aracaju vai ganhar mais uma área de lazer e que será uma extensão dos calçadões já existentes e irá da curva do Iate Clube até a Atalaia, ou seja, mais um importante elemento pra melhorar o turismo e a qualidade de vida na nossa cidade", concluiu Edvaldo.

LEIA MAIS:

Déda cria comissão para acompanhar projetos do Hospital do Câncer

João Alves diz que vai tornar saúde pública de Aracaju referência no Nordeste

PMA apresenta projeto para conter avanço do mar na 13 de julho

Déda vai liberar recursos para reforma da catedral

Presidente nomeia integrantes das comissões para escolha de conselheiro do TCE

Rogério se reúne com global Luigi Baricelli e empresários do setor de tecnologia para discutir projetos

Exportações em Sergipe caem 27,5% em Agosto

Governo ressalta que no acumulado exportações cresceram 46,8%

Nenhum comentário:

Postar um comentário