segunda-feira, 2 de julho de 2012

COM O APOIO DE 22 PARTIDOS, FÁBIO HENRIQUE TERÁ A MAIOR COLIGAÇÃO DE SERGIPE


Por Max Augusto

Disputando a reeleição no município de Nossa Senhora do Socorro, Fábio Henrique (PDT), foi o candidato a prefeito em Sergipe que mais conseguiu conquistar apoios para o seu projeto político deste ano. Contando com 22 partidos na sua coligação, Fábio vai entrar como favorito na disputa com o deputado estadual Augusto Bezerra (DEM) e o Padre Inaldo (PC do B).

Fábio também conta com apoio
de dois ex-prefeitos
Durante a convenção municipal do PDT, realizada no último sábado, Fábio foi confirmado candidato ao lado do mesmo vice, o médico Job Carvalho (PPS). Sua chapa terá 200 candidatos a vereador, pelos 22 partidos da coligação: PDT, PPS, PHS, PRB, PT, PR, PTB, PP, PTN, PMDB, PMN, PT do B, PRP, PRTB, PSD, PSC, PSB, PV, PSL, PEN, PPL e PTC.

Mais uma vez o prefeito vai contar com o apoio dos ex-prefeitos Zé Franco (PDT) e Tonho da Caixa, duas das lideranças mais fortes no município. “Vamos para a rua com o maior time de política de Sergipe”, disse o pré-candidato. Nascido em Simão Dias mas com uma carreira no rádio Aracajuano, Fábio foi vereador na capital em 2004 e em 2008 disputou a prefeitura de Socorro, tendo sido eleito com 63% dos votos.

Adversários
A montagem de coligação forte, apoios dos principais políticos da cidade e de grandes lideranças em Sergipe, além do poder político de comandar a prefeitura, talvez tenham sido alguns dos fatores que desestimularam o surgimento de novas candidaturas em Socorro. Mas o deputado estadual Augusto Bezerra (DEM) topou o desafio, e no último sábado, em convenção do DEM, foi escolhido candidato a prefeito, ao lado do vice Elias Lobão (PSDC).

A coligação de Augusto Bezerra terá apenas três partidos: DEM, PSDB e PSDC. Na convenção estiveram presentes o ex-governador João Alves Filho (DEM), a senadora Maria do Carmo (DEM), o ex-deputado federal José Carlos Machado (PSDB), o deputado federal Mendonça Prado (DEM) e o deputado estadual Arnaldo Bispo (DEM), entre outras lideranças. Para o deputado, o maior trunfo do grupo é a boa performance eleitoral que o ex-governador João Alves vem obtendo na região, por isso ficou decidido que seria apresentada uma candidatura.

Augusto sabe que vai enfrentar uma eleição contra um candidato forte, mas está otimista  e lamenta apenas que a oposição ao atual prefeito não tenha conseguido apresentar uma candidatura única – eles negociavam uma composição com o PC do B. “Nós esperamos até a última hora, tentamos unir a oposição, mas não foi possível. Não entendi porque  isso aconteceu, mas o fato é que deixou a população preocupada, porque seria mais inteligente uma união”, avaliou Bezerra.

Já o  padre Inaldo, religioso que atuou por muito tempo no município, abriu mão do direito de celebrar missas para entrar na política – já que uma definição da arquidiocese proibiu os sacerdotes de se candidatarem. Apesar de estar no PC do B o padre possui uma boa relação com o DEM no município, mas a coligação não foi viabilizada – segundo se especula, por determinação do diretório municipal do partido, já que o diretório estadual se mostrava simpático à aliança.

Como vice de Inaldo deve ser apresentado o jornalista Aélio Argolo – mas informações de políticos locais dão conta de que ainda poderá haver modificações na ata. Ele já comunicou suas intenções à TV Atalaia e já pediu o afastamento do cargo – a legislação prevê que os candidatos devem se afastar dos microfones de rádios e televisões até o próximo dia 6. A reportagem do JORNAL DA CIDADE não conseguiu conversar ontem com o candidato do PC do B.

OS CANDIDATOS EM SOCORRO

Fábio Henrique (PDT)
Vice: Job Carvalho (PPS)
Coligação: PDT, PPS, PHS, PRB, PT, PR, PTB, PP, PTN, PMDB, PMN, PT do B, PRP, PRTB, PSD, PSC, PSB, PV, PSL, PEN, PPL e PTC

Augusto Bezerra (DEM)
Vice: Elias Lobão (PSDC)
Coligação: DEM / PSDB / PSDC

Padre Inaldo (PC do B)
Vice: Aélio Argolo (PC do B)
Coligação: PC do B

Nenhum comentário:

Postar um comentário